header top bar

section content

Academias de Sousa e Cajazeiras vão ser fiscalizadas; 150 estabelecimentos estão irregulares na Paraíba

As academias são notificadas e tem um prazo para se adequar, mas se descumprirem a determinação, o MP será acionado

Por

29/01/2014 às 10h08

Atualmente, há cerca de 500 academias de ginástica em funcionamento na Paraíba, mas, segundo estimativa, do Conselho Regional de Educação Física (Cref), um terço delas são clandestinas. Geralmente, os estabelecimentos sem registro também não têm profissionais habilitados e nem equipamentos de segurança.

No verão, aumenta a procura de pessoas por academias e é importante observar se o estabelecimento é legal. Praticar atividade física sem orientação profissional, em ambientes e equipamentos impróprios pode trazer riscos à saúde das pessoas e provocar mais danos que benefícios.

Vistoria no Sertão
De acordo com a representante do Cref, Vânia Maria, as academias de Sousa, Cajazeiras, e todo sertão paraibano sertão fiscalizadas ainda este ano, e os locais que estiverem funcionando irregularmente serão punidos. “As academias são notificadas e os proprietários tem um prazo para se adequar, e se descumprirem a determinação, o caso será encaminhado ao Ministério Público”, disse.


                                               Modelo Gracyane Barbosa se exercitando em academia de Sousa (Foto: DS)

Para ser registrada no Cref, a academia precisa ter o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ); apresentar o quadro técnico com os nomes dos profissionais, registrados no conselho; apresentar um profissional responsável pelo estabelecimento, além de alvará sanitário e alvará de licença de funcionamento, fornecido pela Prefeitura.

Ouça abaixo:

Profissional habilitado
Em entrevista a reportagem do Diário do Sertão em Sousa, a personal trainer, Erica Samara Duarte, afirmou que é comum ouvir relatos de pessoas que sofreram lesões e até deformações no corpo por causa de exercícios físicos errados. Ela disse ainda que o profissional de Educação Física é a pessoa habilitada para orientar e avaliar as necessidades e as limitações de cada pessoa, para evitar danos assim.

Aqueles empresários que abrem academias e não contratam profissionais habilitados e preparados para atuar nessa área, são ladrões de profissão”, disse Erica Duarte.

Veja vídeo!

DIÁRIO DO SERTÃO com Ainoã Geminiano

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis