header top bar

section content

Embriagado, dono de rádio comunitária tenta matar radialista de FM em Sousa. Veja vídeo!

As agressões e danos materiais foram promovidas por outro radialista, que é de uma emissora concorrente.

Por

10/11/2011 às 15h52

No inicio da tarde desta quinta-feira (10) o radialista Wilame Soares, apresentador do programa Radar Líder, veiculado pela Rádio Líder FM da cidade de Sousa disse no ar que foi vítima de uma tentativa de homicídio que teria partido do também radialista e proprietário da Rádio Comunitária Sousense FM, Gil Silva.

Segundo Wilame, Gil invadiu os estúdios da Líder FM embriagado e a sua procura dizendo que queria matar-lhe. “Ele não me matou porque consegui me esconder debaixo de uma mesa”. Desabafou.

Além da tentativa de agressão ao colega de imprensa, Gil Silva está sendo acusado ainda de ter agredido o diretor da emissora, Antônio Pordeus, bem como o também radialista Aniobel Vicente que apresenta um programa na rádio Jornal AM, cujo estúdio fica no mesmo prédio da FM.

A Policia Militar foi acionada para tentar prender o acusado, mas ele conseguiu fugir do local antes da chegada dos policiais.

A direção da emissora informou que alguns equipamentos como computadores e cadeiras foram danificados por Gil Silva durante a tentativa de encontrar Wilame nos estúdios. De acordo com Rafael Estrela, o fato será comunicado oficialmente a Delegacia de Polícia Civil em Sousa.

Veja mais fotos na galeria, clique e aumete o tamanho.

Ouça o áudio:

Veja vídeo:

Da Redação do DIÁRIO DO SERTÃO em Sousa

 

Tags:
"TRAÍRA"

EXCLUSIVO: Rosilene rompe o silêncio, se solidariza com portais, diz estar arrependida em apoiar Amadeu na FPF e pede desculpas aos clubes

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Em Continência ao Senhor Jesus recebe os adoradores por excelência da Igreja Luz da Vida; Veja!

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na Tv recebe Guilherme Costa e Pisada do Chefe de Joca Claudino – PB; Confira!

EX-REITOR DA UFCG

VÍDEO: Thompson Mariz quer Ricardo no Senado e confirma João Azevedo para governador: “Não tem plano B”