header top bar

section content

Projeto Tertúlia HQ aborda métodos e técnicas digitais para construir histórias em quadrinhos

Tertúlia HQ é um projeto criado para que autores e entusiastas das histórias em quadrinhos tenham um ambiente para discutir os diversos temas relacionados a este universo.

Por Priscila Belmont

02/03/2017 às 10h38

Tertúlia HQ: Métodos e técnicas digitais para construir uma história em quadrinhos

A Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) realiza neste sábado (4), mais uma edição do projeto Tertúlia HQ, em João Pessoa. A atividade deste mês dá continuidade ao tema “Métodos e técnicas digitais para construir uma história em quadrinhos”. O encontro acontece na Gibiteca Henfil, no horário das 16h às 18h. A ação é aberta a todos que quiserem participar. A ideia surgiu a partir de encontro anterior, realizado em novembro, quando quadrinistas se reuniram com a ideia de produzir um quadrinho autoral. A partir daí começaram a discutir sobre suas dificuldades com as técnicas digitais na hora de produzir quadrinhos. A entrada é gratuita.

Tertúlia HQ é um projeto criado para que autores e entusiastas das histórias em quadrinhos tenham um ambiente para discutir os diversos temas relacionados a este universo. Realizado no primeiro fim de semana do mês na Gibiteca Henfil, sua primeira edição ocorreu em abril de 2016, a partir de uma sugestão de Henrique Magalhães, com discussões acerca da sua personagem Maria, criada há mais de 40 anos. Passando por temas como a obra de Cristovam Tadeu e do Coletivo WC, discutiu-se também a possibilidade de criação de uma revista autoral pelos quadrinistas presentes nas conversas.

Desde a última edição, realizada em fevereiro, a Tertúlia tem focado numa troca mais efetiva de conhecimentos entre quadrinistas, que muitas vezes têm suas dúvidas e não sabem com quem compartilhar. No encontro anterior houve uma grande troca e muitos passaram alguns de seus métodos de construção de histórias em quadrinhos, contudo duas horas não foram necessárias para esgotar o assunto, por isso ocorrerá em março uma segunda parte do encontro, para que os presentes e ausentes na edição anterior possam continuar discutindo sobre métodos e técnicas digitais para HQs.

O projeto tem como objetivo ocupar a Gibiteca Henfil durante os finais de semana, além de incentivar a produção independente de quadrinhos na Paraíba. A ideia é propiciar um ambiente de troca de informações entre quadrinistas e entusiastas e oferecer um espaço de aprendizagem.

Serviço

Tertúlia HQ: Métodos e técnicas digitais para construir uma história em quadrinhos (parte 2)
Data: 04/03 – Sábado
Hora: 16h às 18h
Local: Gibiteca Henfil
Entrada gratuita

Secom

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda