header top bar

section content

Sem palha e com máscaras mais assustadoras, jovens da região tentam manter viva a tradição dos ‘caretas’ na cidade de Cajazeiras – Assista!

Segundo a tradição, os caretas perambulam pela cidade durante três dias em busca de esmolas para reparar e tentar confraternizar Judas com Jesus

Por Jocivan Pinheiro

12/04/2017 às 16h34 • atualizado em 12/04/2017 às 16h57

Todos os anos, quando se aproxima os feriados da Semana Santa, várias crianças, adolescentes e até adultos saem às ruas de Cajazeiras fantasiados com roupas velhas esfarrapadas ou cobertos de palha de bananeira e usando máscaras assustadoras para pedirem comida de porta em porta. Esses personagens do folclore nordestino são os ‘judas’ ou ‘caretas’, e o alimento doado pelos moradores é chamado de ‘jejum’.

Segundo a tradição, os caretas perambulam pela cidade durante pelo menos três dias em busca de esmolas para reparar e tentar confraternizar Judas com Jesus, conforme a visão bíblica da história. Eles costumam usar chocalhos para anunciar sua chegada e emitem grunhidos que assustam as crianças.

VEJA TAMBÉM: Presidente Temer será ‘malhado’ em cidade da região de Cajazeiras no tradicional rito folclórico da Semana Santa

Líder dos caretas de São José de Piranhas

Alguns poucos grupos de Cajazeiras e cidades vizinhas mantêm viva a tradição. É o caso de uma turma de São José de Piranhas que visita diversos municípios realizando a ‘pedição’ e vão parar até na região do Vale do Piancó.

Segundo o líder, o grupo já existe há 12 anos. Atualmente nenhum membro usa palha seca como fantasia. Um dos motivos é que estaria provocando reações alérgicas. Porém, além dessa justificativa, os caretas sem palha refletem uma realidade cada vez mais iminente no Nordeste: o fim das tradições folclóricas seculares.

A dona de casa Josefa Inácio torce para que a tradição volte a ser como antes: “Eu acho muito bonito. Todo ano eles passam por aqui e eu sempre ajudo. Eu quero que continue. Eu achei que está pouca gente. Eu espero que continue e cresça o grupo.”

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan