header top bar

section content

90 anos da passagem da Coluna Prestes por Piancó é celebrado com exposição. ASSISTA!

O evento reuniu vários intelectuais paraibanos, entre escritores, historiadores, membros da imprensa, políticos e gestores culturais

Por

07/12/2015 às 18h14

A Associação Paraibana de Imprensa (API) realizou na última sexta-feira (04) um evento especial em homenagem à histórica passagem da Coluna Prestes pelo município de Piancó, localizado no Vale do Piancó, sertão paraibano. No evento foram exibidos vídeos sobre os 90 anos da Coluna Prestes no Brasil e foi aberta uma exposição que ficará em exibição até o próximo dia 11.

O gaúcho Luís Carlos Prestes foi um dos principais representantes do comunismo no Brasil e por isso foi perseguido e acabou sendo exilado em 1927, durante o governo de Arthur Bernardes.

A Coluna Prestes percorreu 25.000 km por todo o Brasil, de norte a sul, e foi em Piancó onde, segundo historiadores, o grupo teria sofrido seu primeiro embate. Essa passagem é uma das mais marcantes na história do município e da Paraíba.

O evento reuniu vários intelectuais paraibanos, entre escritores, historiadores, membros da imprensa, políticos e gestores culturais.

O presidente da API, João Pinto, ressaltou que a ideia é atrair estudantes da região para apreciar a exposição e conhecer a história da Coluna Prestes. Ao sair de Piancó, ela vai percorrer outras cidades do estado, entre elas estão Sousa, Cajazeiras, Patos e Campina Grande.

O veterano escritor Eilzo Matos acredita que a exposição marca o início de um projeto turístico, cultural e educacional bem maior na cidade. "Eu fiquei muito satisfeito de ver Piancó com pessoas tão representatvas participando do renascimento cultural da sua cidade, do seu povo. Estou feliz por ver a cidade se reunir para discutir e equacionar este episódio histórico e trágico num grande projeto", disse.

O historiador Francisco Jó, que está à frente desse projeto de expansão histórica de Piancó, propôs a construção de um monumento em memória do episódio e fazer disso uma ponte para o crescimento econômico da cidade e da região. "Eu quero ressignificar o ideal da Coluna num projeto de geração de renda, principalmente para a redução das desigualdades sociais no sertão paraibano e quero contextualizar esse ideal com a realidade atual', pontuou.

O secretário de Cultura de Piancó, João Leite, destacou a preocupação da prefeitura com a valorização da cultura local. "Piancó hoje vive um momento ímpar com relação à cultura. Tem sido uma plataforma da gestão municipal investir nessa área, e a Coluna Prestes é, sem sombra de dúvidas, um dos feitos mais importantes dentro de nossa história cultural."

O vice-prefeito de Piancó, Edvaldo Caldas, endossou as palavras do secretário e garantiu que a prefeitura estará sempre à disposição para contribuir com projetos dessa natureza. "Nós estamos restabelecendo a história de Piancó. A prefeitura tem a obrigação de contribuir no sentido de que essa história seja realmente resgatada e que ela se mantenha viva no coração dos piancoenses", completou.

DIÁRIO DO SERTÃO

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os organizadores do 1º Eco pedal e o garoto prodígio do futebol Luiz Felipe