Cultura
17/06/2013 às 14h58 • atualizado em 13/11/2016 às 11h44

Virando Lei: Rádios de Cajazeiras devem reservar 20% da programação para artistas da terra. Veja vídeo!

Segundo informações, alguns estão tentando reduzir a porcentagem, sendo apenas 10% do tempo de programação para músicas da terra.

O vereador Marcos Barros (PSB) falou nesta segunda-feira (17) sobre o projeto de Lei de sua autoria, que obriga as rádios do município a ocupar suas programações musicais com 20% de composições da terra. A Câmara Municipal da cidade de Cajazeiras vota o projeto na próxima quarta-feira (19).

Segundo informações, o presidente da Câmara Nilson Lopes (PSD), juntamente com os empresários de rádio, estão tentando reduzir a porcentagem, sendo apenas 10% do tempo de programação para músicas da terra. “Vamos analisar nessa quarta-feira e tentar fazer um acordo”, disse o vereador.

Marcos Barros disse ainda que, a iniciativa do projeto não é somente dele, mas do presidente de seu partido no município, Rivelino Martins (PSB) e dos interpretes de Cajazeiras. “Existem vários artistas da terra com capacidade suficiente para compor a programação das rádios. Espero ter a compreensão dos empresários e locutores das rádios”, disse.

Veja também:

»Rádios de Cajazeiras podem ser obrigadas a ocupar 20% da programação com músicas de artistas da terra

O autor Marcos Barros justificou seu projeto afirmando que os artistas de Cajazeiras estão desmotivados, pois as emissoras não abrem espaço para divulgar suas canções.

O vereador informou que a obrigatoriedade é somente para os programas musicais. Este projeto será o último a ser apreciado antes do período de recesso legislativo.

Encerramento
O projeto de Lei de autoria de Marcos Barros seria votado nessa segunda-feira (17) oportunidade em que seriam encerrados os trabalhos desse período ordinário na Câmara Legislativa. Entretanto, com a morte do advogado João de Deus Quirino a sessão foi adiada para a próxima quarta-feira (19).

DIÁRIO DO SERTÃO

Deixe seu comentário