Educação
24/11/2016 às 16h45 • atualizado em 24/11/2016 às 16h46

postado por: Jocivan Pinheiro

Secretária de Educação da região de CZ lamenta falta d’água nas escolas, mas faz balanço positivo do ano

O ano letivo das escolas municipais de Bonito de Santa Fé deverá ser encerrado sem atrasos e outros prejuízos para os alunos, garante a secretária

Apesar das dificuldades financeiras e dos problemas de ordem natural e estrutural como a falta d’água, o ano letivo das escolas públicas municipais de Bonito de Santa Fé, no Alto Sertão do Estado, deverá ser encerrado sem atrasos e outros prejuízos para os alunos e para a gestão. Pelo menos é o que garante a secretária de Educação do município, Eliane Araruna.

VEJA TAMBÉM: Prefeita de Bonito de Santa Fé diz que não pretende mais se candidatar ao cargo

secretaria-de-educacao-de-bonito-de-santa-fe-1

Eliane Araruna

Em entrevista à TV Diário do Sertão, Eliane disse que as escolas vão conseguir cumprir os 200 dias letivos que preconiza a Lei de Diretrizes e Bases da Educação e que o planejamento para 2017 começou, inclusive com as pré-matrículas já abertas.

No entanto a tarefa está sendo bem árdua, já que, segundo ela, as escolas estão sem água e com poucos recursos financeiros. A situação está afetando até a merenda escolar. A secretária revela que nem o Governo do Estado, nem o Governo Federal estão bancando o abastecimento de água nas unidades de ensino.

– Esperamos que o governador se sensibilize com essa situação e faça alguma parceria com o município porque nós estamos sofrendo muito com essa falta d’água – declarou Eliane.

Obstáculos à parte, ainda há o que comemorar, segundo ela: – Estamos dentro da meta projetada pelo Ministério da Educação. Nosso quadro de professores é todo efetivo e qualificado. Temos um Plano de Cargos e Carreiras que acredito ser o melhor da região, e a gente vem cumprindo à risca, embora nos últimos meses tivemos dificuldade de pagar o funcionalismo em dia por conta dos atrasos e da diminuição dos recursos federais. Mas esperamos que até 21 de dezembro nós estejamos com nossa folha regular.

DIÁRIO DO SERTÃO

Deixe seu comentário