header top bar

section content

ORGULHO: Jovem é o primeiro cajazeirense a se formar em Engenharia Aeronáutica no ITA

Leomam é o primeiro cajazeirense a se formar Engenharia Aeronáutica ITA, instituição de ensino superior pública da Força Aérea Brasileira.

Por Luzia de Sousa

17/12/2017 às 12h10

O jovem Leonam Oliveira, natural de Cajazeiras, Sertão da Paraíba concluiu o curso de Engenharia Aeronáutica no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA).

Leomam é o primeiro cajazeirense a se formar Engenharia Aeronáutica ITA, instituição de ensino superior pública da Força Aérea Brasileira, vinculada ao Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), localizado na cidade de São José dos Campos, São Paulo.

Ele é filho Manoel Neto e da professora Edna Tavares, que participaram da cerimônia de formatura nesse sábado (17)

ITA
O ITA possui cursos de graduação e pós-graduação em áreas ligadas à engenharia, principalmente no setor aeroespacial. É considerado uma das melhores instituições de ensino superior do Brasil. O ITA oferece aos seus alunos alimentação gratuita e moradia de baixo custo, dentro do próprio DCTA.

Cajazeirense concluiu engenharia no ITA (Foto: Arquivo Pessoal)

Em todo o Brasil, o vestibular do ITA é reconhecido como um dos mais difíceis do país. Abrange provas de Física, Matemática, Química (realizadas em dias distintos), Português e Inglês(realizadas juntas). Em cada dia, o aluno resolve questões discursivas e questões objetivas de múltipla escolha. As questões são elaboradas com alto grau de complexidade e abrangem conteúdos que nem sempre são vistos pela maioria das escolas do ensino médio.

DIÁRIO DO SERTÃO

ALFINETOU

VÍDEO: Aliado do prefeito destaca asfaltamento de ruas de Cajazeiras e alfineta grupo de Carlos Antonio

REVELAÇÃO

VÍDEO: Emocionado, radialista fala de dificuldades na infância e revela que ‘amigo’ lhe ofereceu drogas

VEJA

VÍDEO: Gilvan de Andrade fala de experiência no Rádio em Cajazeiras e João Pessoa

VÍDEO

Padre anuncia reforma da paróquia São João Bosco de Cajazeiras a avalia atuação do bispo