header top bar

section content

Diácono de Conceição revoluciona educação no Sertão: “Tinha escola em casa de taipa”

Ele foi o fundador do Grupo Cantai da Paróquia Nossa Senhora de Fátima em Cajazeiras.

Por

09/12/2015 às 16h55

O Diácono e secretário de Educação da cidade de Conceição, Sertão do estado, Fidelis Mangueira falou com exclusividade a TV Diário do Sertão nesta quarta-feira (9). Ele foi o fundador do Grupo Cantai da Paróquia Nossa Senhora de Fátima em Cajazeiras.

O secretário falou dos desafios na educação do município, pois a gestão anterior teria deixado escolas sucateadas, professores com defasagem acadêmica e pouco contingente de alunos. “Ao longo desses três anos temos melhorado a infraestrutura das escolas da Zona Urbana e Rural, além de formação continuada dos professores”.

Veja também:

► Procissão, missas e festa social marcam a festa de Nossa Senhora da Conceição no Vale do Piancó

População do Sertão relata que tem que ficar acordada até três da madrugada para mendigar água nas ruas: "Ninguém dorme" . Veja vídeo!

Fidelis Mangueira destacou também investimentos em livros didáticos, merenda escolar, informatização das escolas e climatização. “Encontramos cerca de 50 escolas sucateadas. Em pleno século XXI, encontramos escolas funcionando em casas de taipa e próximas a depósitos de gás”, testemunhou o educador.

Ideb
De acordo com o secretário, o município estava com Índice de Desenvolvimento da Educação Básica entre os mais baixos da Paraíba, mas com os atuais investimentos o quadro já apresenta mudanças significativas. “Acreditamos que estamos no caminho certo”.

Cajazeiras
Sobre a atuação em Cajazeiras, ele contou que sentiu necessidade de criar algo voltado para a juventude e foi aí que surgiu a ideia do Grupo Cantai. “Começamos com poucos jovens e o grupo foi crescendo daí tivemos que criar outros grupos”.

Ele explicou que seu projeto na Igreja serviu de exemplo para outras paróquias de Cajazeiras e até para outras cidades da Diocese. “Meu sacerdócio agora é a educação e a cultura”

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula