header top bar

section content

Parando: Professores da UFCG de Cajazeiras podem anunciar greve em assembleia pública

A audiência vai ocorrer no dia 03 de junho (quarta-feira) às 14 horas no auditório da instituição.

Por

28/05/2015 às 17h00

A presidente da ADUC (Associação de Docentes Universitários de Cajazeiras), Risomar Alves anunciou nesta quarta-feira (27) uma assembleia que irá decidir se a UFCG (Universidade Federal de Campina Grande) campus de Cajazeiras vai aderir à greve. A audiência vai ocorrer no dia 03 de junho (quarta-feira) às 14 horas no auditório da instituição.

Para Risomar, os professores precisam de melhores condições de trabalho para oferecer aos alunos uma educação adequada e esse será um dos pontos da possível greve, além da revisão dos salários e maior valorização da educação pública.

A vice-presidente da ADUC, Mariana Moreira disse que, os professores também precisam se preocupar em garantir os direitos que já foram conquistados. Segundo ela, o Governo não tem dado a devida atenção que as reivindicações dos professores merecem.
 
A tesoureira da ADUC, Sofia Dionízio falou sobre os pontos que estão sendo reivindicados pelos professores e destacou principalmente, as condições de trabalho. Segundo Sofia, outra questão que tem sensibilizado os professores é a situação dos funcionários terceirizados.

Assista a entrevista dos organizadores da assembleia

DIÁRIO DO SERTÃO

MERCADO NEGRO

EXCLUSIVO: Padre denuncia que Cajazeiras está repleta de ‘locadoras de armas’: “A polícia sabe” – VÍDEO!

PARABÉNS

VÍDEO: Veja a mais nova música que homenageia a cidade de Cajazeiras nos seus 154 anos de emancipação

AO VIVO

Assista ao Debate de Cajazeiras completo; vários temas foram levantados para melhorar a cidade

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor