header top bar

section content

Apresentador revela que foi abusado aos 16 anos de idade: “Não sei como estou vivo”

Apresentador de 62 anos conta que já sofreu muito preconceito

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

10/07/2016 às 16h11

Fofoqueiro acumula histórias com os famosos (Foto: Francisco Cepeda/AgNews)

Leão Lobo é um dos nomes mais polêmicos da TV brasileira. O jornalista, de 62 anos, acumula histórias por não ter papas na língua e falar o que sabe sobre as celebridades. Em entrevista à coluna Diário Fama, do jornal Diário de S. Paulo, o fofoqueiro assumido conta um fato traumatizante de seu passado até então desconhecido: um estupro sofrido aos 16 anos de idade.

— Eu sofri um estupro quando tinha 16 anos. Foi na praia em Mongaguá. Uns rapazes me levaram para uma casa, me trancaram e fizeram o diabo que você possa imaginar. Arrancaram muitas peças minhas, roupas, um cinto que a minha mãe tinha feito pra mim, com muito carinho, me lembro dele até hoje. Não sei como estou vivo, pra dizer bem a verdade. Eu lembro que eu fugi, o desespero foi tanto que eu arranquei a porta com os pregos e tudo e saí correndo. Aí eu caí, um dos caras veio com o revólver atrás de mim e fui salvo por um casal de caiçaras, que tomava conta da casa. Nem agradeci o casal porque não tinha condições na época. Sofri muito, de apanhar na rua, de olhar pro cara, vir uma turma e me deixar ensanguentado no chão.

Leão também conta que já sofreu muito preconceito, mas aprendeu a lidar com isso.

— Então, quer dizer, foi mais que um preconceito levezinho. Fora essa coisa de xingar quando você passa. Enfim, acho que superei isso bem, trabalhei minha cabeça e sempre fui muito tranquilo sobre minha sexualidade. Sempre tive certeza do que era.

R7

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os organizadores do 1º Eco pedal e o garoto prodígio do futebol Luiz Felipe

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Maria Vitória e Rodrigo Almeida 11.08.2017

INTERVIEW

Educadora fala da infância difícil e sua trajetória de sucesso: ‘Faltava dinheiro, mas não alegria’

CALDEIRÃO POLÍTICO

Eleições e ‘distritão’ foram assuntos do programa Caldeirão Político; Padre diz que é contra essa emenda