Entretenimento
08/11/2016 às 19h58

postado por: Estagiário

Justiça manda penhorar bens de Valesca Popozuda para quitar dívida antiga, diz jornal

Advogada da cantora revelou ao jornalista Leo Dias detalhes do processo

Valesca Popozuda foi processada (Reprodução/Instagram)

A Justiça mandou penhorar bens móveis de Valesca Popozuda como fogão, geladeira, televisão e ar-condicionado para pagar uma dívida antiga. A informação é do jornalista Leo Dias, do jornal O Dia, que revela que o processo começou com um show que Valesca não fez.

A cantora tinha sido contratada pelo empresário Luiz Alberto Moraes de Souza, em 2009, para cantar no aniversário de um amigo dele, em Duque de Caxias, mas não apareceu para fazer o show.

O contrato previa uma multa de R$ 10 mil caso alguma cláusula fosse quebrada, como o cancelamento sem aviso prévio.

Ainda de acordo com a publicação, o valor a ser pago está em mais de R$ 25 mil e, como não foram achados bens imóveis como casas e apartamentos no nome de Valesca, o dinheiro para o pagamento foi autorizado através de penhora de bens móveis, como eletrônicos e eletrodomésticos. Ou seja, um oficial de Justiça pode surgir na porta da casa de Valesca e levar pertences equivalentes ao valor.

À coluna de Leo Dias, Fernanda Freitas, a advogada de Valesca, falou do caso.

— Essa ação, especificamente, é de 2011 e trata-se de um contratante que não pagou pelo show. Por isso, Valesca não foi.

De acordo com Fernanda, o processo segue porque um advogado não tinha sido contratado a tempo, já que ela trabalha cuidando de Valesca desde 2015.

Recentemente, Valesca se envolveu em outra polêmica. Seu clipe para a música Viado foi censurada pelo Youtube, que o classificou como para maiores de 18 anos. Mesmo assim, o vídeo já passou de um milhão de visualizações.

R7

Deixe seu comentário