header top bar

section content

Com beijão, musa da Rocinha é pedida em casamento na Sapucaí

Após desfile, Fran Petersen se perdeu da namorada, Luana Caetano, e pedido quase não acontece. Reencontro teve emoção e beijaço.

Por Luzia de Sousa

28/02/2017 às 12h04

Luana Caetano e Fran Petersen (Foto: Anderson Barros / EGO)

Este sábado, 25, foi não só de samba, mas também de romance na Sapucaí. É bem verdade que houve um pouquinho de tensão também: Fran Petersen, musa da Rocinha, seria pedida em casamento pela namorada, Luana Caetano, na dispersão, após o desfile da escola. Mas como Luana estava sem credencial, não conseguiu acompanhar a amada na Avenida. Uma confusão se estabeleceu e, por pouco, o grande momento deixou de acontecer. Mas a história teve um final feliz e o pedido finalmente aconteceu.

O desencontro
Ao fim do desfile, Fran ficou procurando a namorada, sem sucesso. Enquanto uma estava ainda no começo na Avenida, a outra chegava à dispersão. E como as duas estavam sem credencial – e sem privilégios para caminhar pela Marquês de Sapucaí – o reencontro foi difícil.

Para achar Luana, Fran teve que deixar todo o glamour do desfile de lado, caminhar quase dois quilômetros pelas ruas do centro do Rio, subir e descer escadas… Tudo isso de salto alto e com uma microfantasia dourada que deixava seu corpo quase todo à mostra.

O reencontro
Quando as namoradas enfim se encontraram, correram uma ao encontro da outra e deram um beijaço, com direito a muita emoção e mão boba. “Eu estava muito nervosa, acabou o desfile e fiquei procurando você, fiquei gritando ‘cadê minha mulher?'”, contou Fran para Luana.

Luana, por sua vez, não perdeu tempo e fez o que planejava fazer desde o começo da noite. Puxou um par de alianças da bolsa e, finalmente, pediu a namorada em casamento.

“Eu comprei o anel, ia fazer uma surpresa, mas não deu. A gente se ama muito, não podia deixar passar. Pensamos em nos casar em Barcelona, em meados de abril. Estamos planejando tudo já”, contou Luana, que disse ainda que deve ser de Fran a honra de usar um vestido de noiva. “A gente não pensou muito nisso ainda, mas provavelmente ela vai vir mais feminina e eu com uma roupa mais masculina”.

Ego

ALFINETOU

VÍDEO: Aliado do prefeito destaca asfaltamento de ruas de Cajazeiras e alfineta grupo de Carlos Antonio

REVELAÇÃO

VÍDEO: Emocionado, radialista fala de dificuldades na infância e revela que ‘amigo’ lhe ofereceu drogas

VEJA

VÍDEO: Gilvan de Andrade fala de experiência no Rádio em Cajazeiras e João Pessoa

VÍDEO

Padre anuncia reforma da paróquia São João Bosco de Cajazeiras a avalia atuação do bispo