header top bar

section content

Irreverente, Bloco Cafuçu é destaque no carnaval de Cajazeiras; Corrozinho recebe homenagem na folia de rua. VEJA VÍDEO!

A irreverência e autenticidade através de uma combinação exagerada e brega entre roupas e acessórios são a marca do bloco.

Por Luzia de Sousa

28/02/2017 às 18h21 • atualizado em 28/02/2017 às 18h57

O Bloco Cafuçu, um dos mais irreverentes do carnaval de Cajazeiras, realizou a 9ª edição do seu desfile pelas ruas da ‘Terra do Padre Rolim’ nesta segunda-feira (27), penúltimo dia de folia na cidade.

Veja mais!

+ LUTO: Cajazeirense morre após parada cardíaca; Ele reclamava de dores no peito

+ Bloco dos Imprensados abre carnaval de Cajazeiras com recorde de foliões e grande festa. Vídeo!

A irreverência e autenticidade através de uma combinação exagerada e brega entre roupas e acessórios são a marca do bloco. Vestidos assim, os foliões se tornam os cafuçus do carnaval e saem enchendo as ruas de alegria.

Desfile dos cafuçus em Cajazeiras (Foto: Diário do Sertão)

Como em todos os anos, o bloco homenageia uma figura popular e simples da cidade, mas com importância cultural e histórica. Este ano o homenageado foi o garçom Assis Batista, mais conhecido por Corrozinho, falecido recentemente.

Tradicionalmente os cafuçus se concentraram na esquina que liga as ruas Joaquim de Sousa e Epifânio Sobreira, no centro, em frente à casa do fundador e organizador do bloco, o carnavalesco e produtor cultural Junior Terra. De lá, o bloco saiu pelas ruas ao som de um mini-trio elétrico espalhando alegria e bom humor.

,

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan