header top bar

section content

Jovem que nunca sente fome pode ajudar na ‘cura’ da obesidade

Mesmo sem fome, americana come o tempo todo para não desmaiar com falta de glicose no sangue.

Por Priscila Belmont

07/03/2017 às 20h00 • atualizado em 07/03/2017 às 17h25

Abby Solomon anda com barrinhas de cereais na bolsa para não desmaiar por falta de glicose no sangue. © Reprodução / BBC

A jovem americana Abby Solomon, de 21 anos, sofre de uma doença rara de nascença que faz com que ela nunca sinta fome. A síndrome progeroide neonatal inibe a produção do hormônio asprosin, que estimula o apetite. Dessa forma, ela nunca quer comer.

Contudo, Abby contou à “BBC” que está sempre comendo. Ela anda com barrinhas de cereais ou qualquer outro alimento na bolsa para não desmaiar por falta de glicose no sangue.

Bastam algumas mordidas para que a americana se sinta satisfeita e não consiga mais comer nada. Por isso, a jovem ingere em média menos da metade da quantidade de calorias recomendadas para uma pessoa da idade dela.

A doença também faz com que Abby envelheça de forma precoce, tanto que ela parece ter bem mais do que os seus 21 anos e é uma das poucas pessoas com esta mutação genética que chegou à idade adulta.

A reportagem salienta, no entanto, que, mesmo que trágica, a doença de Abby está ajudando os cientistas. Eles acreditam que o estudo desta mutação os farão avança em tratamentos contra a obesidade.

Notícia ao Minuto

ADVERSÁRIOS ETERNOS

Breckenfeld diz que nunca será candidato a prefeito de São João nem aliado de Zé Aldemir: “Chance zero”

PSICOLOGIA & FILOSOFIA

Cajazeirense que vendia poesia pra pagar curso em SP fala sobre sonhos e objetivos no “Psicologia no Ar”

CÓDIGO COMPROVA

No 1º Xeque-Mate de 2018, tecnólogo diz que é fácil fraudar eleições com urna eletrônica e explica como

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o centravante Bruno Aurora, Carlos Kennedy e o presidente da ASCAT-CZ