header top bar

section content

Pai coloca fogo em filha de 3 anos porque ela era “bonita demais”

O autor do crime teria passado o dia fumando maconha e bebendo. A menina teve 13% do corpo queimado.

Por Priscila Belmont

21/03/2017 às 09h09

Edward John Herbert, ao ser questionado o motivo do crime, disse que achava a menina “bonita demais”.

A Justiça de Doubleview, Austrália, começou o julgamento de um caso bárbaro que ocorreu na cidade. Um pai jogou gasolina e ateou fogo na própria filha de 3 anos após um ataque de raiva. No tribunal, Edward John Herbert, ao ser questionado o motivo do crime, disse que achava a menina “bonita demais”.

Segundo informações da Corte, Edward teria passado o dia fumando maconha e bebendo. Ao chegar em casa, ele começou a perseguir a esposa com uma faca sem motivo aparente. Enquanto corria atrás dela pela casa, como conta a rede de TV ABC, ele dizia que iria explodir a casa. A mulher tentava acalmá-lo, mas Edward a continuava ameaçando.

Logo em seguida, ele viu a menina de 3 anos. De acordo com a polícia, ele jogou a gasolina e, depois, ateou fogo. Segundo o depoimento dele no tribunal, assim que percebeu o que fez, cobriu a menina com um cobertor para extinguir as chamas.

A mãe percebeu o que o marido fez e o atacou com um extintor. Depois, correu para o hospital com a menina, que teve 13% do corpo queimado e várias marcas permanentes na pele. Por conta da gravidade do caso, o julgamento deve continuar ainda esta semana.

Metrópoles

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda

AO VIVO NA TV

BOMBA! Ator cajazeirense revela que foi estuprado quando era coroinha de igreja: “Fui pra missa chorando” – ASSISTA!