header top bar

section content

Viciado no WhatsApp? “E o contato humano? E o olho no olho?” Psicóloga alerta abusos!

Thalita falou também sobre a decisão da Justiça que mandou as operadoras de telefonia fixa e móvel bloquearem o aplicativo WhatsApp. Confira a entrevista!

Por

28/12/2015 às 10h41

A psicóloga sousense Thalita Langbehn falou no seu comentário Direto ao Ponto da TVDS, sobre pessoas que são dependentes aos meios de comunicações, principalmente aos aplicativos usados para conversas virtuais.

A profissional, falou sobre o uso dos aplicativos e destacou também a importância do contato pessoal entre as pessoas. "Temos que ver até que ponto estamos dependendo desses aplicativos eletrônicos, e até que ponto estamos nos distanciando das pessoas. Aplicativos são úteis, funcionais, mas, onde está o contato humano? o olho no olho? esse contato ainda é muito importante", disse.


                         O WhatsApp alcançou, neste ano, 700 milhões de pessoas ao redor do mundo (Foto: Thinkstock)

Thalita falou também sobre a decisão da Justiça que mandou as operadoras de telefonia fixa e móvel bloquearem o serviço de mensagens instantâneas WhatsApp em todo o país por 48 horas. "Foi incrível a comoção dos brasileiros quando o WhatsApp quando foi bloqueado, parecia que as pessoas tinham perdido a voz, porque elas não conseguiam mais pensar o que fariam de determinadas sem o aplicativo para conversar", finalizou.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
NO ACÚSTICO DIÁRIO

VÍDEO: Músico que foi atingido por um tiro em São José de Piranhas se emociona ao relatar o fato

NESTE FIM DE SEMANA

VÍDEO: Comerciante africano traz a Cajazeiras feira popular de São Paulo que vende pela metade do preço

DIRETO AO PONTO

Nutricionista sousense fala sobre a hipertensão e ensina receita de sal de ervas

VÍDEO!

Diário esportivo fala sobre os craques da Copa do Mundo e o futebol amador da cidade de Cajazeiras