header top bar

section content

Jovem deficiente que toca desde os três anos revela dificuldades e destaca desafios. Vídeo!

O jovem Lucas, falou como iniciou a carreira no ramo da música, e falou também que é preciso valorizar mais o artista da terra

Por

10/12/2015 às 17h00

Lucas Caetano, de 14 anos, tem deficiência visual desde quando nasceu, mas pesar das dificuldades, o menino esbanja simpatia e não se sente diferente pela deficiência. Lucas que é conhecido também como "Lucas Caetano dos Teclados", é natural do município de Santa Cruz, na região de Sousa, e fez aniversário nesta quarta-feira (09). A festa foi comemorada com muita música e bolo para todos os que assistiram de perto o tecladista durante um mini-show realizado Calçadão, centro da cidade de Sousa, no Sertão da Paraíba.

 

O pai de Lucas, Luciano Caetano, que também é deficiente visual, é o maior fã do filho e já notou a capacidade desde que o menino se apegou ao instrumento musical. Juntos, eles que montam toda estrutura durante a maioria dos eventos.

 

E assim como toda festa de aniversário, não poderia faltar a música para o aniversariante tocada com muito estilo ao som da sanfoneiro Gabriel, filho do músico Spido Rey.

 

Em entrevista à reportagem do Portal e TV Online Diário do Sertão, Lucas Caetano falou como iniciou a carreira no ramo da música e disse que é preciso valorizar mais o artista da terra.

"Desde os três anos de idade comecei a bater em latas, em plásticos, fui me identificando com a música. Alguns anos depois, ganhei uma sanfona, toquei flauta, bateria, mas me apaixonei realmente pelo teclado", disse.

DIÁRIO DO SERTÃO

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda

AO VIVO NA TV

BOMBA! Ator cajazeirense revela que foi estuprado quando era coroinha de igreja: “Fui pra missa chorando” – ASSISTA!