header top bar

section content

Ela merece tudo isso? Anitta é a pessoa mais odiada das redes sociais

Tudo começou depois que Anitta fez plástica no nariz. ao revelar seu novo visual em um programa de TV

Por

17/05/2014 às 10h44

A funkeira só cantou três músicas e revoltou o público (images.terra.com)

Se você usa o Twitter e presta atenção nos Trending Topics, os assuntos mais comentados do microblog, deve ter reparado em uma ou mais hashtags zoando e ofendendo a cantora Anitta. Quase todos os dias, a funkeira é alvo de ataques nas redes sociais e sofre bullying constante. A morena já foi chamada de capivara, ratazana, cabrita, comparada a Michael Jackson e muito mais. Curtindo o som de Anitta ou não, você acha que ela merece tudo isso?

Tudo começou depois que Anitta fez plástica no nariz. Ao revelar seu novo visual em um programa de TV, ela foi comparada com o cantor Michael Jackson, que ficou conhecido entre outras coisas por fazer inúmeras cirurgias plásticas e ficar irreconhecível.

Além das hashtags maldosas, Anitta é alvo de montagens, como essa que mistura seu rosto ao do cantor Michael Jackson. Quando fez uma viagem para os EUA, Anitta visitou o parque temático do personagem Harry Potter e causou a ira dos fãs do bruxo ao falar uma frase errada.

anitta 1.jpg

Ela foi chamada de burra, de poser [pessoa que se diz fã, mas que só quer aparecer] e muito mais. Entre as ofensas que Anitta já recebeu por hashtags, está a mais recente #AnittaCaraDeCamelo. Ela também já foi chamada de nariz de capivara, cara de ratazana e disseram que ela fede mais que urubu e grita igual uma cabrita.

Fonte: 180 Graus 

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula