header top bar

section content

Líder da oposição diz que rejeitou Secretaria da Prefeitura, ataca Léa e manda recado para Rafael

Ele afirmou que a oposição está enfraquecida e alfinetou a secretária Léa dizendo que ela não trabalha com recursos próprios

Por

23/05/2014 às 17h22

O entrevistado desta quinta-feira (22) do programa Censura Livre foi o vereador Jucinério Félix (PROS). Na ocasião, Jucinério revelou que já foi convidado para ser aliado da prefeita Denise, e que ofereceram até uma secretaria, mas ele não aceitou, pois deseja continuar sendo vereador da oposição. “Não foi a prefeita Denise que me convidou, mas pessoas do grupo”, disse.

Além disso, Jucinério afirmou que alguns colegas não se comportam como vereadores da oposição, pois estão do lado da situação.

Adversidade Política
Jucinério afirmou também que entre ele e a vereadora Léa Silva há uma adversidade política. “Ela não tem nenhum programa com recursos próprios. É tudo verba do Governo Federal. Nem parece com a minha gestão do governo anterior, que foi muito diferente. Tivemos diversos programas gerados com recursos próprios”, alfinetou.

De acordo com o vereador, a atual gestão não está realizando os programas sociais como deveriam ser. “A assistência social de Cajazeiras está mascarada. Muita prestação de serviço e pouca assistência”, disse.

O oposicionista declarou que a atual administração só tem feito obras com recursos federais, enquanto que as finanças do município, ninguém sabe onde está indo parar.

Oposição enfraquecida
Ele detonou ainda que a oposição está enfraquecida e mandou um recado para Carlos Rafael: “Apareça Rafael, você fez um excelente trabalho como vereador e prefeito, apesar dos erros, mas estamos precisando de uma liderança ativa na oposição de Cajazeiras. Nós perdemos uma eleição, não perdemos a força da oposição”, frisou.

De acordo com o vereador o seu grupo já está buscando uma nova liderança, entretanto não revelou quem seria essa pessoa. “Estaremos juntos em 2016, estamos conversando com pessoas novas, estamos buscando uma liderança, essas pessoas não querem aparecer agora, pois estão esperando o resultado das eleições deste ano”, esclareceu.

Xamegão
O vereador salientou que, a prefeita deve colocar uma secretaria de planejamento para esquematizar as finanças do município e buscar os possíveis apoios, pois há uma desorganização, o que causou a não realização do Xamegão deste ano. “Esta gestão está desorganizada, o que mostra o fim do Xamegão. A prefeitura tem dinheiro sim. Se quiser fazer, faz, é só querer e planejar. Se não sabe planejar uma prefeitura, entregue os pontos”, disse.

Jucinério disse ainda que, a prefeita precisa mudar os secretários com urgência. “A população está muito decepcionada. Acabar com o Xamegão de Cajazeiras, o povo não vai perdoar, o jovem não perdoa”, disse.

Opositor
Ao ser questionado acerca das funções de um vereador oposicionista, Jucinério afirmou que a sua responsabilidade é buscar o melhor para a cidade, fiscalizar o município e conseguir obras para a população. “As pessoas pensam que vereador é para comprar remédios, conseguir exames, pagar contas de água e de luz e comprar caixão, mas não é bem assim, pois isso corresponde às secretarias da prefeitura”, esclareceu.

O vereador disse ainda que está investigando o desaparecimento de uma nota fiscal de uma escola do município. “Eu vou descobrir onde foi parar esta nota fiscal”, salientou.

Veja o programa completo!

DIÁRIO DO SERTÃO

XEQUE-MATE

VÍDEO: Vereador de Cajazeiras e educadores esclarecem polêmicas sobre a identidade de gênero nas escolas

DIÁRIO ESPORTIVO

Tudo sobre as novas contratações e a preparação dos times para o Campeonato Paraibano 2018

PSICOLOGIA NO AR

VÍDEO: Psicólogos debatem comportamento do ‘stalker’ nas redes sociais e quando o amor se torna obsessão

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Batista Independente