header top bar

section content

Galvão Bueno detona regalias e falta de comprometimento de Neymar na Seleção

Narrador de TV corneta regalias e falta de comprometimento de Neymar

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

05/04/2016 às 14h34

Galvão Bueno comparou comportamento do camisa 10 com atitudes de Suárez e Messi (Foto: Reprodução)

Figura apagada no duelo contra o Uruguai, e fora da partida contra o Paraguai após receber um cartão amarelo de forma infantil, o atacante Neymar conseguiu irritar até um de seus maiores fãs: o narrador global Galvão Bueno.

Em seu programa da última segunda-feira (4), no Sportv, Galvão Bueno detonou o comportamento de Neymar e a falta de comprometimento do atleta com a seleção brasileira. Galvão comparou o desempenho de Neymar com o de seus companheiros de Barcelona, o argentino Messi e o uruguaio Suárez.

“Suárez, Messi e Neymar jogaram pelo Barcelona juntos no domingo. O que fizeram Messi e Suárez? Pegaram o primeiro avião, um para Buenos Aires, outro para Montevidéu. No dia seguinte, estavam treinando de manhã nas suas seleções. O Neymar foi pra balada, e postou nas redes sociais. E foi aparecer na noite em que os outros dois já haviam treinado de manhã”.

O cartão amarelo recebido por Neymar também foi questionado por Galvão. “Ao tomar o cartão amarelo e ficar suspenso, ele já queria ir embora do Recife, porque o pai estava lá com o avião”.

Sem Neymar, a seleção penou contra o Paraguai, e buscou o empate apenas nos minutos finais.

O jogador aproveitou a ‘folga’ para curtir uma balada ao lado da bailarina Lorena Improta, apontada como seu novo affair.

Assim como a ostentação, que não foi tão duramente criticada por Galvão, mas não passou despercebida. “Ele tem todo o direito de ter um avião, ganhou dinheiro honestamente. Mas fizeram com que Neymar fosse até Porto Alegre, e de lá eu sei que um carro o esperou na pista. Ele desceu e foi no avião dele para onde ele quis se divertir”.

Enquanto isso, Lionel Messi se destacou nas partidas da Argentina e ajudou o time a somar seis pontos diante de Bolívia e Chile.

Suárez também deu conta do recado nos jogos contra o próprio Brasil, no qual marcou um gol, e na vitória sobre o Peru.

O resumo de Galvão sobre o comportamento de Neymar põe em dúvida a capacidade do camisa 10 continuar como capitão da seleção brasileira.

“Por que Suárez e Messi podem sair correndo para pegar um avião, um voo comum, e virem treinar nas suas seleções no dia seguinte de manhã, e o nosso craque tem que ir pra festa primeiro, virar a noite na festa? Esse tipo de comprometimento é que me parece estranho em relação às outras estrelas”, concluiu.

As críticas de Galvão Bueno repercutiram na mídia europeia. O diário espanhol Ás, por exemplo, deu destaque às palavras do narrador informando que “nem a torcida e nem a crítica” estão contentes com o comportamento de Neymar.

R7

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan