header top bar

section content

Galvão Bueno detona regalias e falta de comprometimento de Neymar na Seleção

Narrador de TV corneta regalias e falta de comprometimento de Neymar

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

05/04/2016 às 14h34

Galvão Bueno comparou comportamento do camisa 10 com atitudes de Suárez e Messi (Foto: Reprodução)

Figura apagada no duelo contra o Uruguai, e fora da partida contra o Paraguai após receber um cartão amarelo de forma infantil, o atacante Neymar conseguiu irritar até um de seus maiores fãs: o narrador global Galvão Bueno.

Em seu programa da última segunda-feira (4), no Sportv, Galvão Bueno detonou o comportamento de Neymar e a falta de comprometimento do atleta com a seleção brasileira. Galvão comparou o desempenho de Neymar com o de seus companheiros de Barcelona, o argentino Messi e o uruguaio Suárez.

“Suárez, Messi e Neymar jogaram pelo Barcelona juntos no domingo. O que fizeram Messi e Suárez? Pegaram o primeiro avião, um para Buenos Aires, outro para Montevidéu. No dia seguinte, estavam treinando de manhã nas suas seleções. O Neymar foi pra balada, e postou nas redes sociais. E foi aparecer na noite em que os outros dois já haviam treinado de manhã”.

O cartão amarelo recebido por Neymar também foi questionado por Galvão. “Ao tomar o cartão amarelo e ficar suspenso, ele já queria ir embora do Recife, porque o pai estava lá com o avião”.

Sem Neymar, a seleção penou contra o Paraguai, e buscou o empate apenas nos minutos finais.

O jogador aproveitou a ‘folga’ para curtir uma balada ao lado da bailarina Lorena Improta, apontada como seu novo affair.

Assim como a ostentação, que não foi tão duramente criticada por Galvão, mas não passou despercebida. “Ele tem todo o direito de ter um avião, ganhou dinheiro honestamente. Mas fizeram com que Neymar fosse até Porto Alegre, e de lá eu sei que um carro o esperou na pista. Ele desceu e foi no avião dele para onde ele quis se divertir”.

Enquanto isso, Lionel Messi se destacou nas partidas da Argentina e ajudou o time a somar seis pontos diante de Bolívia e Chile.

Suárez também deu conta do recado nos jogos contra o próprio Brasil, no qual marcou um gol, e na vitória sobre o Peru.

O resumo de Galvão sobre o comportamento de Neymar põe em dúvida a capacidade do camisa 10 continuar como capitão da seleção brasileira.

“Por que Suárez e Messi podem sair correndo para pegar um avião, um voo comum, e virem treinar nas suas seleções no dia seguinte de manhã, e o nosso craque tem que ir pra festa primeiro, virar a noite na festa? Esse tipo de comprometimento é que me parece estranho em relação às outras estrelas”, concluiu.

As críticas de Galvão Bueno repercutiram na mídia europeia. O diário espanhol Ás, por exemplo, deu destaque às palavras do narrador informando que “nem a torcida e nem a crítica” estão contentes com o comportamento de Neymar.

R7

PSICOLOGIA NO AR

VÍDEO: Psicólogos debatem comportamento do ‘stalker’ nas redes sociais e quando o amor se torna obsessão

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Batista Independente

MARIA CALADO NA TV

Com muita irreverência, banda Gata Dengosa estoura a audiência no programa Maria Calado na TV; ASSISTA!

ENTREVISTA

VÍDEO: Artista sousense que impressionou o público com suas pinturas fala sobre sua obra e trajetória