header top bar

section content

Atletas do Campinense participam de ação social no Hospital de Trauma de Campina Grande

O jogador Raul disse que é muito bom poder ajudar e ver a felicidade das crianças.

Por Luzia de Sousa

03/05/2016 às 15h10

Atletas participam de ação no Hospital de Trauma de Campina Grande

Os jogadores do Campinense, o volante Negretti e o atacante Raul, participaram, na manhã desta segunda-feira (2), de uma ação social no Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande. Eles aproveitaram a folga para fazerem a entrega de uma TV LED 32 polegadas para a brinquedoteca da unidade hospitalar.

O jogador Raul disse que é muito bom poder ajudar e ver a felicidade das crianças. “Que isso sirva de exemplo para outras pessoas que podem ajudar”, destacou ele. “Esse tipo de iniciativa é gratificante e alegra nossos corações e por isso temos que sempre estar fazendo essas ações sociais”, comentou o volante Negretti.

Os jogadores andaram pelo hospital e visitaram as enfermarias da pediatria, onde conversaram com as crianças e posaram para fotos. Até mesmo os que não eram torcedores do time da raposa se renderam à solidária ação rubro negra.

Segundo a psicóloga do Trauma-CGm Aline Fernandes, a TV doada será mais um instrumento para trabalhar a ludicidade com as crianças internas. “É uma atitude muito bonita do Campinense”, destacou Aline.

Estrutura – O Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande disponibiliza 33 leitos na enfermaria pediátrica e seis na observação. Outros dez leitos funcionam na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e quatro na Unidade de Queimados (UTQ).

Secom

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula