header top bar

section content

Desenrolar do Paraibano 2016 está em pauta no STJD nesta quinta-feira

Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva julga hoje a ação do Treze, na qual o Galo pede a exclusão do Campinense do estadual

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

19/05/2016 às 10h26

Diretor jurídico da FPF, Marcos Souto Maior Filho, compartilhou nas redes sociais um foto com as pastas do processo (Foto: Divulgação / FPF)

O futuro do Campeonato Paraibano vai ter mais um desenrolar nesta quinta-feira. O Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) vai julgar no Rio de Janeiro a ação do Treze, na qual o Galo pede a exclusão do Campinense do estadual e requer assumir a vaga do arquirrival na semifinal contra o CSP. O julgamento está marcado para começar às 10h, mas, de acordo com o edital, o processo que envolve o desfecho do Paraibano 2016 é o último dos oito a serem julgados hoje.

O caso chegou ao STJD após alguns impasses no Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba (TJD-PB). A ação do Treze chegou a ser indeferida monocraticamente pelo presidente do TJD-PB, Lionaldo Santos Silva. O Galo, então, recorreu ao STJD, que concedeu liminar suspendendo a semifinal entre Campinense e CSP até que o mérito da questão fosse julgado pelo Pleno do Tribunal na Paraíba.

O julgamento foi iniciado em João Pessoa – e o placar chegou a ficar em 5 a 0 contra o Galo -, mas foi suspenso, já que um dos auditores pediu vista para analisar melhor o processo. Antes que o julgamento fosse retomado, contudo, o STJD interveio, chamando para si a responsabilidade de julgar e decidir o caso.

Assim, nesta quinta-feira, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva – tendo Ronaldo Botelho Paciente como auditor-relator – vai julgar se é procedente o pleito do Treze. O Galo acusa o Campinense de ter jogado o Campeonato Paraibano sem ter as certidões negativas de débito junto à União, que seriam exigidas pela Lei de Responsabilidade Fiscal, e que isso seria passível de exclusão da competição. A Federação Paraibana de Futebol (FPF) também é citada no processo, já que, segundo defende o Alvinegro, seria responsável por fiscalizar seus filiados.

Em campo, a outra semifinal do estadual já foi definida. O Botafogo-PB eliminou o Sousa e já garantiu vaga na decisão. Outro clube que apenas espera que tudo se resolva é o CSP, que aguarda para saber qual será o seu adversário na semifinal. E até o Dinossauro, que ainda tem chances de ser um dos dois representantes do Estado na Série D do Brasileiro, tem interesse numa definição do caso.

GE

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan