header top bar

section content

Inter empata com o Fluminense e é rebaixado para a Série B

O resultado levou o time gaúcho a ser rebaixado, pela primeira vez, para a Série B do campeonato

Por Henrique

11/12/2016 às 18h11

Inter empatou com o Fluminense em 1 a 1 (foto: Fotos: Ricardo Duarte/Inter)

O Internacional empatou em 1 a 1 com o Fluminense na tarde deste domingo (11), no Rio de Janeiro, em jogo válido pela última rodada do Brasileirão. O resultado levou o time gaúcho a ser rebaixado, pela primeira vez, para a Série B do campeonato.

Atuando com numeração preta e a mensagem #ForçaChape na camisa em sinal de luto pela tragédia ocorrida com a delegação do clube catarinense, o Internacional tentou se impor nos minutos iniciais. Com as linhas adiantadas, o time explorava, principalmente, as jogadas pelas laterais do campo. Aos 2min, Vitinho arrancou pela esquerda e cruzou para a área, onde Valdívia apareceu para chutar cruzado, para fora.

Porém, os cariocas suportaram a pressão inicial e passaram a especular no campo ofensivo, enquanto o Inter arrefeceu o seu ímpeto. Aos 12min, Gustavo Scarpa chutou da entrada da área e Danilo Fernandes fez grande defesa, espalmando a bola para escanteio. Aos 27min, Anselmo arriscou na bola parada, mas o chute ganhou muita elevação. Aos 29min, foi a vez de Scarpa cobrar falta que saiu à esquerda, com perigo. Aos 35min, Wellington desperdiçou grande oportunidade de abrir o placar, em conclusão de dentro da área que passou por cima do travessão colorado.

Aos 42min, Richarlison caiu na área e o árbitro marcou pênalti. O próprio Rucharlison bateu e Danilo defendeu, saltando no canto direito para evitar que a bola entrasse. Na saída do gramado para o intervalo, ao ser entrevistado, Danilo mostrou sua luva com o nome de Danilo Padilha, goleiro da Chapecoense falecido no desastre aéreo. “Na hora pensei: ele pegava pênalti. Foi para ele”, dedicou Fernandes.

No intervalo, o goleiro Marcos Felipe entrou no lugar de Júlio César, que sentiu lesão. Aos 2min, em contra-ataque do Flu, Wellington tentou o gol por cobertura e apareceu para fazer o corte, ainda que a bola não fosse chegar até a rede. Aos 13min, Riharlison chutou cruzado e a bola acertou o lado de fora da rede. Aos 17min, Vitinho cobrou falta, a bola bateu na barreira e, no rebote, Ernando chutou para a defesa em dois tempos de Marcos Felipe.

Aos 19min, Andrigo e Gustavo Ferrareis entraram nos lugares de Alex e Valdívia. Aos 22min, Andrigo chutou para a defesa tranquila do goleiro do Fluminense. Pouco depois, Ariel entrou no lugar de Vitinho. Aos 27min, um duro golpe: Douglas fez 1 a 0 para o Fluminense. Aos 35min, os cariocas quase ampliaram, em chute de Wellington que explodiu na trave.

Aos 42min, Ferrareis chutou de fora da área e empatou o jogo. Porém, o empate não era suficiente para as pretensões coloradas, tanto que o gol sequer foi comemorado pelos jogadores. Aos 44min, Danilo fez mais uma grande defesa após forte chute Scarpa. O resultado se manteve apesar dos quatro minutos de acréscimo.

“Deveríamos ter resolvido esta situação antes. Na última rodada é muito dífícil”, disse Valdívia na saída de campo.

“Não tem muito o que falar, apenas pedir desculpas para o torcedor. Ninguém queria isso. Agora vamos trabalhar forte para revertermos isso no ano que vem”, declarou Ernando.

O sul

ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Psicologia no Ar recebe professor doutor de Cajazeiras pra falar sobre Psicologia Social

INTERVIEW

VÍDEO: Autor do filme “Memória Bendita” fala sobre os desafios de promover cultura na região de Sousa

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de Água da Vida

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na TV recebe diretamente do Rio Grande do Norte, Fábio Carvalho; CONFIRA!