header top bar

section content

Lateral brasileiro diz que ascensão da seleção com Tite chama atenção dos alemães e ignora revanche dos 7 a 1

Rafinha, de 33 anos, foi revelado pelo Coritiba e já acumula 12 temporadas na Europa

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

02/04/2017 às 09h35

Rafinha (centro) atuou pelo Bayern no confronto contra o Arsenal nas oitavas de final da Liga dos Campeões (Foto: Clive Mason/Getty Images)

A seleção brasileira foi a primeira a se classificar para a Copa 2018 e o sucesso mostrado nos últimos jogos, mais precisamente desde que Tite assumiu o comando, com direito a oito vitórias seguidas nas Eliminatórias, tem empolgado os torcedores por todo País. Mais do que isso, o desempenho tem chamado atenção dos europeus que já ligaram o sinal de alerta, pensando no Mundial da Rússia. Pelo menos é o que garante Rafinha, do Bayern de Munique.

O lateral brasileiro, que está há 11 temporadas na Alemanha (12 na Europa, já que atuou um ano no Genoa-ITA), enalteceu o momento vivido pela equipe de Tite. “O Brasil vive uma crescente nos últimos jogos e todo mundo tem acompanhado. Aqui na Europa, todos estão vendo essa ascensão da seleção e a gente fica feliz que o Brasil reencontrou o bom futebol e está provando que vai dar trabalho na próxima Copa do Mundo.”

O torcedor brasileiro espera que em 2018, a seleção consiga apagar o vexame da Copa 2014, quando a equipe comandada por Felipão foi goleada pela Alemanha, no Mineirão por 7 a 1, na semifinal. Rafinha, que conhece muito bem o território adversário, não acredita que os alemães pensam em revanche por parte dos brasileiros. “O pessoal aqui não tem esse sentimento que o Brasil quer uma revanche do 7 a 1. Até porque é meio impossível de acontecer, né? Na real, tudo pode acontecer no futebol, mas isso foi um acidente e não passa na cabeça dos alemães. Revanche pelo 7 a 1 seria uma coisa absurda e muito difícil de acontecer.”

Rafinha ainda aproveitou para comentar sobre as atuações recentes de Neymar. O craque brasileiro vem dando show com a amarelinha, mostrando além de excelente futebol, uma liderança ímpar dentro de campo, sendo fundamental na conquista da vaga para a Rússia com quatro rodadas de antecedência.

No Barcelona, o jogador também mostrou essa força, principalmente na virada histórica contra o Paris Saint-Germain nas oitavas de final da Liga dos Campeões. Mesmo com a boa fase, Rafinha brinca dizendo que espera um rendimento pior do brasileiro com a camisa do clube espanhol. “Neymar está vivendo um momento extraordinário da carreira dele e a gente torce que ele continue assim, porque tá dando muitas alegrias para o torcedor brasileiro. Porém, espero que o bom rendimento seja só na seleção, no Barcelona tomara que ele dê uma maneirada, porque vai que ele joga contra a gente, aí complica… Brincadeiras à parte, espero que ele continue neste caminho, porque é um cara que merece todo respeito.”

O Bayern de Munique enfrenta o Real Madrid pelas quartas de final da Liga dos Campeões. Com isso, há a possibilidade de Rafinha ter de marcar simplesmente Cristiano Ronaldo. “Vai ser um duelo maravilhoso, a gente já teve o privilégio de jogar contra o Real em outras ocasiões e a gente sabe que vai ser um jogo muito difícil. Quem tem a ganhar com isso são os torcedores que vão ver um grande espetáculo. Todo mundo sabe que o Cristiano Ronaldo é um dos melhores do mundo e precisaremos ter atenção dobrada. Mas, também é preciso pensar no coletivo, porque a equipe toda é muito boa.”

R7

ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Psicologia no Ar recebe professor doutor de Cajazeiras pra falar sobre Psicologia Social

INTERVIEW

VÍDEO: Autor do filme “Memória Bendita” fala sobre os desafios de promover cultura na região de Sousa

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de Água da Vida

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na TV recebe diretamente do Rio Grande do Norte, Fábio Carvalho; CONFIRA!