header top bar

section content

Governo do Estado abre a 7ª edição dos Jogos Indígenas da Paraíba, em Rio Tinto

O cacique geral do povo potiguara, Sandro Gomes, agradeceu a atenção do Governo do Estado.

Por Priscila Belmont

07/04/2017 às 17h41

Sejel: Os Jogos Indígenas 2017.

A 7ª edição dos Jogos Indígenas da Paraíba foi aberta nesta sexta-feira (7), na aldeia Monte Mor, em Rio Tinto. O evento, que tem a realização do Governo do Estado, terá quatro dias de duração e contará com a participação de 1300 índios de 34 aldeias do Litoral Norte. As modalidades em disputa são: canoagem, corrida do toro, arco e flecha, futsal, futebol de campo, cabo de guerra, mini maratona e arremesso de lança.

Na solenidade de abertura, houve o desfile das aldeias participantes, o acendimento da tocha olímpica, bem como a apresentação cultural de grupos locais e ainda a dança do toré, típica indígenas. “Mais um momento marcante para o esporte paraibano, a realização, por mais um ano, dos Jogos entre as aldeias potiguaras. É uma das missões do Governo do Estado levar o esporte aos mais diversos povos e agora os índios estão tendo a oportunidade, dentro do mês em que se comemora o dia deles”, disse secretário executivo de Esporte e Lazer, José Marco.

O cacique geral do povo potiguara, Sandro Gomes, agradeceu a atenção do Governo do Estado. “Nós, que somos Potiguaras, agradecemos a atual gestão estadual, que nunca deixa passar em branco esse mês do índio, movimentando, através do esporte e lazer, as nossas aldeias. Nossas palavras são só de gratidão”, frisou.

Participaram também da abertura o secretário de Estado de Desenvolvimento e Articulação Municipal, Buba Germano; o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Gervásio Maia, além de representantes dos municípios de Rio Tinto, Baía da Traição e Marcação.

Secom

EMPODERAMENTO

VÍDEO: Associação dos Ciclistas de Cajazeiras promove neste final de semana pedal dedicado às mulheres

OUTRO LADO

Secretário de saúde diz que verbas federais serão mantidas e que o SAMU de Cajazeiras não vai fechar

PRECONCEITO

EM CAJAZEIRAS: Gari revela que as pessoas negam água e restaurantes proíbem entrada para comprar marmita

ABANDONADO

VÍDEO: Após saber da morte da mãe, homem passa fome nas ruas de Cajazeiras e faz apelo emocionante para voltar pra casa