header top bar

section content

Presidente do UFC detona Anderson Silva: ‘É melhor se aposentar de uma vez’

Presidente do UFC não gostou das 'ameaças' feitas recentemente pelo brasileiro

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

07/05/2017 às 11h22

O presidente fez duras críticas ao brasileiro (Foto: Reuters)

O presidente do UFC, Dana White, parece não ter gostado das recentes declarações de Anderson Silva, que ameaçou se aposentar caso o Ultimate não lhe ofereça uma luta pelo cinturão interino dos médios, contra Yoel Romero, no UFC Rio.

“Nos últimos anos, todas as vezes que eu lido com o Anderson é uma coisa interessante. Ele quer lutar pelo cinturão interino, quer o título interino e, obviamente, nós não faremos isso. Ele está vindo falar publicamente e vocês sabem qual é minha política quanto a isso. Se você fala de aposentadoria, então é melhor se aposentar de uma vez. Se você considera uma aposentadoria, então, é melhor seguir seu caminho. Nós não vamos fazer uma luta por cinturão interino. Isso não vai acontecer”, atirou o mandatário em entrevista ao TMZ.

O Spider está sem adversário para o UFC Rio, dia 3 de junho, desde que seu oponente, Kelvin Gastelum, foi retirado do card por ter sido flagrado em exame antidoping. O UFC chegou a oferecer Luke Rockhold e Vitor Belfort, mas ambos foram negados pelo brasileiro, que argumenta não haver sentido na realização de tais lutas.

Na visão dele, a disputa do cinturão interino contra Romero, desafiante número 1 da categoria, faria sentido pelo fato de o campeão, Michael Bisping, ter luta ainda não marcada contra GSP, mas que não deverá ocorrer antes de setembro.

Notícias ao Minuto

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os organizadores do 1º Eco pedal e o garoto prodígio do futebol Luiz Felipe

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Maria Vitória e Rodrigo Almeida 11.08.2017

INTERVIEW

Educadora fala da infância difícil e sua trajetória de sucesso: ‘Faltava dinheiro, mas não alegria’