header top bar

section content

Barcelona terá de pagar 40 milhões de euros para ter Paulinho

Segundo jornal espanhol, Guangzhou Evergrande não estaria disposto a reduzir o valor da multa rescisória

Por Priscila Belmont

26/06/2017 às 09h20

© Getty Images

Uma das principais matérias do jornal espanhol Sport desse domingo estampou o brasileiro Paulinho, que estaria em meio a negociações para reforçar o Barcelona na próxima temporada europeia.

Segundo a publicação, o time do brasileiro na China, o Guangzhou Evergrande, não estaria disposto a abrir mão da multa rescisória de 40 milhões de euros. Os catalães, porém, contam a participação do jogador nesse processo, de modo que ele pressione o clube a fim de que o valor seja diminuído.

À TV Globo, Paulinho disse que espera resolver a situação da maneira mais rápida possível. “Eu pretendo e procuro sempre falar com o Giuliano (Bertolucci) que é o meu empresário: se for para decidir, que seja o mais rápido possível para que ambas as partes fiquem bem. Se for ficar, o Barcelona tem outras opções. E, se eu for, o Guangzhou tem que ter outra opção para trazer”, disse.

Paulinho tem contrato com os chineses até 31 de dezembro de 2020 e chamou a atenção do Barcelona devido às boa atuações pela seleção brasileira.

Noticias ao Minuto

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares