header top bar

section content

Vivendo grande fase, Hernanes quer a Seleção

Principal jogador do São Paulo, o Profeta diz que não joga por dinheiro, mas por metas pessoais

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

17/09/2017 às 09h00 • atualizado em 16/09/2017 às 19h14

Hernanes vem se destacando apesar da má fase do São Paulo (Foto: Jales Valquer/Fotoarena/Estadão Conteúdo)

A fase do São Paulo é ruim. O time é o penúltimo colocado no Campeonato Brasileiro com apenas 24 pontos, mas a situação poderia ser muito pior se não contasse com Hernanes. Desde que voltou ao Tricolor, o meia é ponto destoante e tem vivido grande fase e aos 32 anos, ainda sonha em voltar a vestir a camisa da Seleção Brasileira.

Hernanes diz que sua história na seleção brasileira não está encerrada, e que mesmo admitindo frustração por não ter jogado tanto quanto gostaria com a camisa canarinha, vai seguir sonhando com ela, e usa um exemplo vivido por ele mesmo para não deixar de acreditar.

“Eu não coloco ponto final, tenho sempre esperança de que posso voltar, mas fiquei frustrado sim porque joguei muito pouco, não tive a sequência que gostaria, mas ainda é tempo, não acabou não. Aos 20 anos, eu não tinha contrato profissional ainda, e de repente as coisas aconteceram, então eu acredito até o fim”, disse ele em entrevista à Rádio Bandeirantes.

O Profeta disse também que nunca jogou bola para ganhar dinheiro e por isso está de volta ao São Paulo. Para ele, tudo que viesse seria consequência de seu trabalho e metas profissionais que ele estabelece. Hernanes quer fazer história como jogador.

“Eu nunca joguei pra ganhar dinheiro. Eu falava que ia ganhar muito dinheiro com o futebol, mas não era falta de humildade, era confiança. Trabalhava pra isso e sabia que o dinheiro e o reconhecimento seriam consequências. Hoje eu sigo jogando por causa dos meus objetivos, e sempre tive isso muito claramente, fazer uma história no futebol sempre foi minha meta”, comentou.

band

ENTREVISTA BOMBÁSTICA

VÍDEO: Declarações polêmicas e provocações marcam o programa Xeque-Mate com o ex-prefeito Carlos Antônio

VÍDEO

Ex-aliado diz que prefeito de Cajazeiras forma “organização criminosa” e aponta gordas gratificações

DIÁRIO ESPORTIVO

Confira o resumo da rodada no programa Diário Esportivo com Luiz Júnior

XEQUE MATE

VÍDEO: Carlos Antonio declara pela 1ª vez publicamente apoio a Júnior Araújo; “é cancela fechada”