header top bar

section content

Thiago Silva admite que quer encerrar carreira no PSG

Brasileiro afirma que tem carinho por Paris e está feliz na cidade

Por

29/11/2015 às 14h36

Zagueiro participou da vitória do PSG contra o Troyes por 4 a 1 neste sábado

Depois de dizer ao site do Paris Saint-Germain que gostaria de encerrar a carreira no Fluminense, clube que o revelou, Thiago Silva deu outra versão neste sábado. O zagueiro afirmou que pretende se aposentar jogando no time parisiense.

"Quero terminar minha carreira aqui", disse o zagueiro brasileiro na zona mista do Parque dos Príncipes após a vitória por 4 a 1 sobre o Troyes, pela 15ª rodada do Campeonato Francês.

"Ainda preciso falar com o presidente para saber se ele está de acordo ou não", explicou Thiago. Na terça-feira, o ‘Monstro’ sinalizou um possível retorno ao Tricolor carioca, clube que defendeu de 2006 até 2009.

"Na Europa, acho que o PSG será o meu último clube e quero jogar esses últimos anos em um bom nível. Gostaria de ir para o Rio, lugar onde nasci, para terminar a minha carreira da forma mais bonita, vestindo a camisa do Fluminense. Talvez um ano, seis meses ou apenas um jogo. Vamos ver o que o futuro me reserva", disse o jogador de 31 anos.

Ao ser perguntado neste sábado sobre sua vida em Paris, Thiago disse se sentir bem com sua família. "É uma cidade pela qual tenho muito carinho, como o Rio. Vivo aqui com minha família, meu filho está crescendo aqui. Tentamos criar boas condições para que ele possa se desenvolver bem na Europa, e a cidade de Paris é ótima para crianças", afirmou.

No PSG desde 2012, Thiago Silva foi contratado a peso de ouro junto ao Milan, ao lado do astro sueco Zlatan Ibrahimovic, em um momento em que o clube italiano passava por dificuldades financeiras.

No início, o brasileiro deixou claro que, se dependesse dele, não teria saído da Itália, mas acabou se adaptando ao futebol francês.

Muito criticado durante a Copa do Mundo do ano passado, o zagueiro está fora da seleção desde a Copa América, quando cometeu o pênalti que levou ao gol de empate do Paraguai (1 x 1). A partida foi para os pênaltis e o Brasil foi eliminado nas quartas de final da competição sul-americana. 

Band

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares