header top bar

section content

Vasco dá bobeira no fim e fica apenas no empate contra a Chapecoense

Equipe carioca perdeu chance de vencer confronto direto na luta contra o rebaixamento no Brasileirão

Por

16/10/2015 às 07h20

Vasco levou o empate da Chapecoense no fim, em cobrança de pênalti

Estádios diferentes, adversários do mesmo estado e roteiro parecido. Dez dias separaram os duelos do Vasco contra o Avaí e a Chapecoense, mas novamente, o clube carioca deixou escapar no fim uma vitória contra um rival direto contra o rebaixamento. No Maracanã, o Gigante saiu na frente com Rodrigo, mas cedeu o empate ao time catarinense no fim da partida: 1 a 1.

Na próxima rodada, o Vasco vai até o Morumbi enfrentar o São Paulo, às 16 horas, no Morumbi. No mesmo dia, a Chapecoense recebe o Grêmio, na Arena Condá, o duelo será às 17 horas.

O JOGO

O Vasco começou o duelo contra a Chapecoense, no Maracanã, partindo para cima dos catarinenses. Com jogadas de velocidade pelos lados do campo, o Gigante chegou com muito perigo. Nenê teve duas boas oportunidades, mas acabou pecando na finalização.

Com o passar do tempo, a Chapecoense conseguiu acertar a marcação e o jogo ficou mais concentrado no meio-campo. O Vasco passou a errar muitos passes e a equipe catarinense passou a ter boas oportunidades em contra-ataques.

A equipe catarinense chegou a balançar as redes no primeiro tempo, mas a jogada foi anulada, porque o atacante Tulio de Melo estava impedido. Antes do intervalo, os visitantes assustaram de novo. Ananias recebeu belo passe, mas na hora de finalizar, chutou em cima do goleiro Jordi.

O segundo tempo começou mal para o Vasco. A Chapecoense avançou a marcação e chegou a tomar conta do jogo. Novamente, os visitantes balançaram a rede com Tulio de Mello, mas de novo a jogada foi anulada, desta vez, devido a um toque do atacante que desequilibrou a zaga vascaína.

Aos 24 minutos, o Vasco teve uma grande chance. Nenê deu belo passe e colocou Andrezinho na cara do gol, mas o apoiador chutou para fora. O lance animou o clube carioca, que voltou a ameaçar de novo com Bruno Gallo, mas o goleiro Danilo fez boa defesa. No lance seguinte, o Vasco abriu o placar. Depois de cruzamento, no escanteio, Rodrigo subiu mais que a zaga da Chapecoense e cabeceou para o fundo das redes.

Quando tudo parecia decidido para o Vasco, Gil chutou e a bola bateu na mão de Rodrigo dentro da área. Pênalti. Na cobrança, Bruno Rangel bateu bem e venceu o goleiro Jordi. Os catarinenses ainda tiveram uma grande chance de virar, mas Tiago Luis chutou para fora e o jogo terminou empatado.

O Dia

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares