header top bar

section content

De volta ao time do Bota-PB, Doda vê jogo contra o Fortaleza como “batalha”

Recuperado de uma lesão na coxa direita, meia deve ser titular contra o Leão, no sábado, pela Série C. O Tricolor lidera o Grupo A, enquanto Alvinegro aparece em 6º

Por

16/07/2015 às 08h30

Doda volta ao time após ficar fora do jogo contra o Vila Nova-GO (Foto: Reprodução / TV Cabo Bran

De volta ao time do Botafogo-PB após se recuperar de uma lesão na coxa direita, o meia Doda deve ser uma das novidades do Belo na partida do próximo sábado, contra o Fortaleza. Motivado com a possibilidade de voltar a ser titular, o jogador está totalmente focado no confronto com o Leão do Pici, e prevê um duelo complicado na capital cearense. O Tricolor lidera o Grupo A da Série C, com 19 pontos, enquanto o Alvinegro aparece na sexta colocação, com 7 pontos a menos.

Doda lembra que a filosofia no Botafogo-PB é jogar de igual para igual com os adversários mesmo nas partidas fora de casa. O Belo, aliás, ainda estava invicto na competição, até que perdeu para o Vila Nova, em Goiânia, na última rodada. No sábado, mais uma vez fora de casa, o meia confia que seu time consiga vencer, apesar de admitir que o desafio de encarar o líder em seus domínios é uma tarefa árdua.

– Jogo difícil. Série C é sempre muito nivelado, tanto nos jogos dentro de casa como fora. E contra o Fortaleza, no Castelão, vai ser uma batalha dura. Mas vamos trabalhar forte durante a semana para que a gente possa corresponder no sábado, fazer um grande jogo e conseguir o resultado que nos interessa – avaliou o meia, que vislumbra a possibilidade de o Belo voltar a encostar no G-4.

– Trabalhar, conseguir as vitórias, passo a passo. O jogo contra o Vila passou. O foco agora é Fortaleza e esperamos estar em um dia bom, um dia feliz para que a gente possa conseguir essa vitória e, assim, encostar no G-4 – emendou.

Mas se Doda volta ao time, por outro lado o Botafogo-PB vai ter que lidar com duas baixas. Uma delas é o volante Marcel, que atuou na partida contra o Vila como lateral-direito e foi expulso. Em seu lugar, a tendência é Gustavo reassuma a posição. O outro desfalque do Belo é fora das quatro linhas. O técnico Roberto Fonseca também foi expulso e vai cumprir suspensão automática. Seu filho, Fonseca Júnior, é quem vai comandar o time. O que, na opinião de Doda, não deve interferir no rendimento do time em campo.

– A filosofia de trabalho é a mesma. Há sempre conversa. Sempre que o professor Roberto está à beira do campo, ele pede orientações ao filho. Essa sintonia deles dois é bem nítida. Então eu creio que não vá ter muito problema, mas o foco total é na vitória, no bom desempenho dentro de campo, em tentar aplicar aquilo que o professor pedir durante a semana – finalizou Doda.

Paraibanos e cearenses se enfrentam às 16h do sábado, no Castelão, em Fortaleza. A partida é válida pela oitava rodada da primeira fase da Série C. O Belo pode entrar no G-4 já nesta rodada, mas, para isso, além de vencer o Leão, precisa torcer por tropeços de Salgueiro e América-RN contra Vila Nova-GO e Confiança respectivamente.

GE

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os organizadores do 1º Eco pedal e o garoto prodígio do futebol Luiz Felipe

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Maria Vitória e Rodrigo Almeida 11.08.2017

INTERVIEW

Educadora fala da infância difícil e sua trajetória de sucesso: ‘Faltava dinheiro, mas não alegria’