header top bar

section content

Botafogo vence o CSP com gol no fim e encerra a 1ª fase como líder absoluto

Belo perdia a liderança até os 44 minutos, quando Luiz Carlos marcou, fazendo 2 a 1 sobre o Tigre e recolocou o Alvinegro na ponta da tabela

Por

10/05/2015 às 09h40

Em campo, o Botafogo-PB teve mais posse de bola que o CSP (Foto: Lucas Barros)

A missão era simples: vencer e encerrar a primeira fase como líder do Paraibano. Mas não foi tão simples. Em partida no Almeidão na noite desta sexta-feira, o Botafogo-PB começou perdendo para o CSP, e ia perdendo a liderança para o Campinense, que goleava o Atlético-PB em Campina Grande. Mas o Belo conseguiu a vitória aos 44 do segundo tempo e se manteve a ponta da tabela, conquistando o título simbólico da primeira fase.

O Alvinegro encerrou a fase de classificação com 41 pontos, apenas um à frente do Campinense. Com uma campanha de 13 vitórias, dois empates e apenas três derrotas, o Botafogo-PB agora vai encarar a própria Raposa, o Treze e o Auto Esporte no quadrangular final. Já o CSP – que planejava vencer, e esperava por uma derrota do Auto para o Santa Cruz-PB e também no TJD para perder três pontos que reconquistou ontem – deu mesmo adeus à competição. O Tigre até ficou sabendo da derrota do Macaco Autino para o Tricolor de Santa Rita, mas, como não venceu, ficou a quatro pontos do rival e já não tem qualquer chance, nem nos tribunais, de conseguir a classificação.

Em campo, no Almeidão, o que se viu foi um Botafogo-PB que teve mais posse de bola, mas que não conseguia chegar com tanto perigo ao ataque. E o CSP se aproveitou da ineficiência ofensiva do alvinegro. Aos 13 minutos da primeira etapa, o Tigre abriu o placar com gol de Hélio Paraíba. E com o Campinense vencendo o Atlético-PB em Campina Grande, o Belo precisava virar o jogo se quisesse retomar a ponta. 

O início da virada foi ainda na primeira etapa, aos 37 minutos. Nata aproveitou levantamento de bola na área e, de cabeça, mandou para as redes. No segundo tempo, o jogo se arrastava empatado até perto do fim – e a Raposa goleava no Amigão. Wesley acertou a trave do CSP. O Belo pressionava. Até que aos 44 minutos, Luiz Carlos virou. Em cobrança de escanteio, o atacante recebeu na pequena área, mandou para as redes, e garantiu a liderança do Belo.

Globoesporte

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores

MITO DA INTERNET

VÍDEO: Fenômeno Gleyfy Brauly bate recorde de audiência no Xeque-Mate e canta sucessos no ‘imbromation’

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!