header top bar

section content

Policial civil da Paraíba é destaque atuando como lutador de jiu-jítsu

Paulo Tarcísio Pessoa conseguiu a medalha de bronze no Campeonato Brasileiro da modalidade e agora está se preparando para disputar do Mundial, nos Estados Unidos

Por

07/05/2015 às 08h45

Paulo é policial civil e vem se destacando na prática do jiu-jitsu l (Foto Ilustrativa: Divulgação)

Um agente da Polícia Civil da Paraíba vem se destacando, só que no cenário esportivo. Paulo Tarcísio Pessoa, de 32 anos, conseguiu a medalha de bronze no Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu, neste final de semana. O paraibano lutou na categoria até 94 kg na competição que foi disputada na cidade de Bauru, interior de São Paulo, e contou com a participação de quase 3500 atletas de todo o país.

O atleta ingressou na Polícia Civil este ano e, antes da carreira como policial, já tinha conseguido importantes conquistas no jiu-jitsu nacional. Ele conseguiu dois títulos sul-americanos, um título brasileiro e também um vice-campeonato mundial. E é justamente para a disputa do Mundial que Paulo vai começar a intensificar seus treinamentos. 

– Desde que estava fazendo curso de formação na Polícia Civil, os instrutores já conheciam o meu desempenho e sempre demostraram incentivo para que eu pudesse contribuir de alguma maneira para a nossa instituição. Hoje me preparo para ser docente do curso de Tática e Abordagem da Acadepol, a fim de repassar esses conhecimentos e intensificar minha preparação para a disputa do Mundial de jiu-jitsu – disse o atleta policial.

O Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu, que vai contar com a participação do policial civil paraibano Paulo Tarcísio Pessoa, está marcado para acontecer no final deste mês, nos Estados Unidos.

GE

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada