header top bar

section content

Polícia apreende explosivos que seriam usados em confronto entre torcedores; cinco pessoas foram detidas.

Os policiais apreenderam quatro rojões e mais cinco bombas. Cinco torcedores foram encaminhados até a delegacia de polícia civil

Por

02/02/2015 às 10h06

Material apreendido foi levado até a delegacia de Polícia Civil (Foto: Diário do Sertão

A polícia militar conseguiu prender por volta das 15:30h deste domingo (01) cinco pessoas e apreender bombas e rojões que seriam usados em briga entre torcedores dentro do estádio de futebol, na partida entre Sousa e Atlético de Cajazeiras.

De acordo com informações do Sargento Vieira, a apreensão aconteceu na Rua Engenheiro Carlos Pires de Sá, próximo a Praça do Bom Jesus Eucarístico no centro de Sousa. Um grupo de torcedores estava reunido no local quando foram abordados pelos militares.

Durante a revista, os policiais apreenderam quatro rojões e mais cinco bombas. Cinco torcedores foram encaminhados até a delegacia de polícia civil onde ficaram à disposição do delegado plantonista.

Torcida
Por recomendação do procurador Valberto Lira, do Ministério Público da Paraíba, o clássico do sertão entre Sousa e Atlético de Cajazeiras, deveria contar apenas com a presença da torcida do Dinossauro, mas os torcedores cajazeirenses também estiveram no estádio.  

O jogo
O maior Clássico do futebol do Sertão terminou empatado. Jogando fora de casa, o Atlético de Cajazeiras saiu na frente, mas o Sousa Esporte Clube conseguiu empatar o jogo que terminou 1 a 1 na quarta rodada do Campeonato Paraibano 2015. A partida foi transmitida ao vivo pela TV Diário do Sertão.

Veja vídeo!

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula