header top bar

section content

Bota-PB e Treze duelam no Almeidão pela sobrevivência no Paraibano

Em situações diferentes na tabela, os dois times se enfrentam nesta quinta-feira, às 20h30. Em caso de derrota, o Galo pode ser eliminado, já o Belo tenta a liderança

Por

29/05/2014 às 10h51

Jogadores do Botafogo realizam último treino antes de pegar o Treze (Foto: Amauri Aquino / GloboEsp

O Clássico Tradição desta quinta-feira promete pegar fogo. Botafogo e Treze deixam a Série C de lado e fazem um jogo decisivo pelo Campeonato Paraibano, a partir das 20h30, no Estádio Almeidão, em João Pessoa. O duelo é válido pela 12ª rodada.

O Belo aparece na terceira colocação desta segunda fase, com 22 pontos. Em caso de vitória, a equipe comandada por Marcelo Vilar elimina as chances do Treze na competição estadual. E de quebra, assume a liderança da fase ao lado do Sousa, seu próximo adversário na sequência do torneio.

Portanto, para o Galo da Borborema, o duelo desta noite é de vida ou morte. Com 18 pontos, o time alvinegro precisa da vitória para continuar com chances de classificação para as semifinais. Os dois times vêm de resultados opostos no campeonato. Em sua última participação, o Bota venceu o Atlético de Cajazeiras por 2 a 1 no último dia 7, pela 14ª rodada. Por sua vez, o Treze perdeu por 1 a 0 para o Auto Esporte, na semana passada, em jogo da quinta rodada.

Este será o terceiro confronto entre as duas equipes neste ano. E ninguém leva vantagem. Pelo Estadual, o Galo venceu por 1 a 0, em Campina Grande. Na abertura da Série C do Brasileiro, o Belo levou a melhor, vencendo os trezeanos por 3 a 2 no palco do clássico desta noite.

Pelo lado do Alvinegro da Maravilha do Contorno, o técnico Marcelo Vilar vai ter dois problemas para escalar o time. A princípio, o lateral-esquerdo Celico foi o único oficialmente cortado. Mas o atacante Frontini também é dúvida no time do Belo, pois se recupera de uma lesão no tornozelo esquerdo.

Os demais atletas foram poupados do jogo com o Paysandu pela terceira divisão e vão reaparecer no Clássico Tradição com a forma física em alta.

No Alvinegro de Campina Grande, o técnico Givanildo Oliveira vai para seu terceiro e mais importante jogo pela competição estadual. Sob seu comando, o time goleou o Atlético por 4 a 1 e depois perdeu para o Auto Esporte por 1 a 0.

Para o clássico com o Botafogo, o orientador galista faz mudanças na zaga. Isso porque o time não terá Pitty, que foi inscrito apenas para a disputa da Série C, e Negrreti, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Os dois serão substituídos por Oliveira e Douglas respectivamente.

Nos outros setores do time, de Campina Grande, Givanildo mantém os mesmos atletas que venceram o Crac de Goiás por 1 a 0 pela competição nacional. 

Fonte: Globo Esporte

XEQUE-MATE

VÍDEO: Vereador de Cajazeiras e educadores esclarecem polêmicas sobre a identidade de gênero nas escolas

DIÁRIO ESPORTIVO

Tudo sobre as novas contratações e a preparação dos times para o Campeonato Paraibano 2018

PSICOLOGIA NO AR

VÍDEO: Psicólogos debatem comportamento do ‘stalker’ nas redes sociais e quando o amor se torna obsessão

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Batista Independente