header top bar

section content

Exclusivo: Veja os gols, animação das torcidas e os moídos do clássico Atlético e Sousa.

O jogo foi marcado por grande emoção, onde o Atlético de Cajazeiras conseguiu empatar a partida no finalzinho do 2º tempo.

Por

14/04/2014 às 20h40

Quem não foi perdeu. Somente pelas imagens da TV Diário do Sertão as pessoas que ficaram em casa, puderam acompanha um clássico de verdade. Sousa e Atlético entraram em campo predestinados em vencer a partida, tanto que o Dinossauro do Sertão em menos de um minuto abriu o marcador com uma jogada de Kleber que cruzou para Jeorge que jogou nas redes do Atlético. 

O segundo do time de Sousa saiu num arrancada de Cléber que acertou um belo chute, o goleiro Léo defendeu, mas no rebote, Jeorge anotou mais um para alegria da torcida sousense. 

Aos 34 minutos, o goleiro do Atlético foi expulso após se desentender com jogador do Sousa. Reginaldo de Sousa, treinador do Atlético, teve que tira um dos jogadores para entrada do goleiro reserva, e Bel que era titular e estava na reserva entrou em campo para defende o pênalti cobrado pelo jogador Jeorge. 

Já no segundo tempo, o clássico do Sertão continuou com grandes emoções, pois aos 11 minutos, o Sousa partiu para cima do Atlético e numa jogada de Cléber que cruzou na área, Paulinho Mossoró acertou uma belíssima meia-bicicleta e marcou o terceiro do dinossauro do Sertão para delírio da torcida.

Mas a partida não estava decida. O treinador Reginaldo de Sousa que o diga: “nunca subestimem seu adversário”, pois num sequencia de seis minutos, o time de Cajazeiras marcou três gols empatando o jogo.

O primeiro do Trovão Azul do Sertão saiu aos 34 minutos do 2º tempo numa jogada de Kaká, que passou a bola para Claiton Cearense marcando o primeiro gol do Atlético.

Logo após foi a vez Thiago Messias marcar de cabeça o segundo do Trovão Azul. 

Mesmo com um a menos, o Atlético continuou em cima do Sousa, até que conseguiu o feito que ninguém acreditava, empatar o jogo. Júnior Mineiro foi o pai da criança, depois do cruzamento do jogador Téo. E a torcida do Atlético fez a festa no Marizão.

Com empate o clima esquentou ainda mais. O jogador Eduardo Sousa foi expulso, mas ficou assim Sousa três, Atlético de Cajazeiras também três.

Ao final do jogo, alguns torcedores se exaltaram sendo preciso a policia jogar spray de pimenta para conter os ânimos. 

Palavra do treinador
“Treinador ganha o jogo, treinador que treina jogador, treinador treina jogadas ensaiadas, foi um empate com sabor de vitória”. Disse Reginaldo a reportagem da TV Diário do Sertão.

Veja a classificação

DIÁRIO DO SERTÃO 

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula