header top bar

section content

Sousa tropeça jogando em casa mas arranca empate contra CSP; treinador reclama dos fominhas. Vídeo!

No fim do jogo o treinador do Sousa, Jorge Luiz, falou que foi um jogo difícil, porém o Sousa precisar ter mais companheirismo. Confira as fotos aqui!

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

12/02/2016 às 07h35 • atualizado em 12/02/2016 às 17h10

O Sousa Esporte Clube enfrentou o CSP na noite da quinta-feira (11) no Estádio O Marizão e o placar final foi empate em 1 a 1. O Dinossauro jogou melhor, mas não conseguiu sair com a vitória jogando em casa e com o apoio do torcedor.

O CSP conseguiu marcar o gol aos 31 minutos do segundo tempo. E o Dinossauro tanto insistiu, que aos 44 minutos, conseguiu o empate. Manu fez boa jogada individual, limpou a marcação e mandou para as redes, deixando tudo igual e fechando o placar no Marizão.

Dinossauro contou com o apoio da torcida (foto: DS)

Dinossauro contou com o apoio da torcida (foto: Charley Garrido)

O resultado do jogo foi pior para o Sousa, que ficou com cinco pontos e caiu para terceiro na tabela do Grupo A. O Dinossauro só volta a campo no domingo (21) e jogando fora de casa, no estádio Perpetão contra o Atlético de Cajazeiras.

Desabafo
No fim do jogo o treinador do Sousa, Jorge Luiz, falou que foi um jogo difícil, porém faltou marcar o gol. “Tivemos várias oportunidades, jogadas para rolar a bola para o companheiro, e as vezes a fominha querendo resolver sozinho apareceu. Tivemos uma jogada que o Rodrigo Poti só era rolar para os companheiros, mas chutou para o gol e acabou errando, falta assistência e companheirismo”, disse.

DIÁRIO DO SERTÃO

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores