header top bar

section content

Líderes, Palmeiras e Chapecoense duelam na Série B; São Paulo faz jogo dos piores do Brasileirão

Rivais paulistas entram em campo nesta terça-feira (3)

Por

03/09/2013 às 08h11

Em uma terça-feira cheia de jogos no futebol brasileiro, o Palmeiras entra em campo para enfrentar a Chapecoense em duelo de líderes da Série B, que tem rodada completa. Apesar de estarem com folga na dianteira, os dois times vêm com trajetórias descendentes na competição.

O Palmeiras não venceu nas duas últimas rodadas e ainda amargou a eliminação da Copa do Brasil na última semana. Para o jogo desta terça, o time terá três desfalques cedidos à suas seleções nacionais. Não jogam o chileno Valdivia (foto), o uruguaio Eguren e o zagueiro Henrique, convocado por Felipão para amistosos contra Austrália e Portugal.

Artilheiro da Série B, o atacante Bruno Rangel desfalcou a Chapecoense nas últimas duas rodadas e espera voltar justamente contra o Palmeiras.

Artilheiro da Série B, o atacante Bruno Rangel desfalcou a Chapecoense nas últimas duas rodadas e espera voltar justamente contra o Palmeiras.

Jadson é agora quem vai cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo e não poderá ajudar o time em mais um passo para escapar da zona de rebaixamento.

A situação do Náutico, do ex-palmeirense Maikon Leite, é complicadíssima. Com oito pontos, o time está dez abaixo da primeira equipe fora da zona de rebaixamento.

Em outro jogo da Série A, já válido pela 18ª rodada, o vice-líder Grêmio, do atacante Kleber, encara o Goiás na tentativa de encostar no Cruzeiro.

R7

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada