header top bar

section content

Cielo tem dia perfeito, leva 2º ouro e ajuda Thiago Pereira na busca por recorde

Cesar Cielo venceu os 100m livre e voltou à piscina para o título no revezamento A ida de Cesar Cielo ao hospital na noite de sexta-feira causou preocupação. A competição de natação do Pan de Guadalajara perderia sua principal estrela. Mas tudo não passou de um susto. O campeão olímpico e bi mundial não só […]

Por

17/10/2011 às 00h47

Cesar

Cesar Cielo venceu os 100m livre e voltou à piscina para o título no revezamento


A ida de Cesar Cielo ao hospital na noite de sexta-feira causou preocupação. A competição de natação do Pan de Guadalajara perderia sua principal estrela. Mas tudo não passou de um susto. O campeão olímpico e bi mundial não só nadou como teve 100% de aproveitamento em seu primeiro dia de disputa: levou o ouro nos 100 m livre e no revezamento 4×100 m livre. Além disso, o paulista ajudou o amigo e companheiro Thiago Pereira na busca por recorde de medalhas.

Cesar Cielo nadou a segunda prova da noite e levou seu segundo ouro no Pan de Guadalajara – repetindo desempenho de quatro anos atrás – com o tempo de 3min14s65, com Nicholas Oliveira fechando a prova e cravando o novo recorde da competição.

O tempo de recuperação foi de apenas duas provas, e o campeão olímpico voltou às piscinas. Agora, para compor o forte revezamento brasileiro dos 4×100 m livre ao lado de Bruno Fratus, Nicholas Santos e Nicolas Oliveira.

“Ganhar é sempre uma grande emoção e ganhar com os amigos é melhor ainda. Estamos andando para a Olimpíada com um grande revezamento”, afirmou à Record Cielo, seguido por Oliveira. “A gente estava mais preocupado com o ouro do que com o tempo. Com recorde fica com um gostinho melhor.”

Na eliminatória, a equipe verde-amarela foi composta por Gabriel Mangabeira, Henrique Rodrigues, Thiago Pereira e Nicholas Santos. A participação na prova classificatória foi suficiente para Pereira garantir seu segundo ouro neste Pan – o primeiro veio nos 400 m medley.

O nadador fluminense ainda nadará os 200 m medley, 100 m e 200 m costas, 200 m peito, além dos revezamentos 4×100 m medley e 4×200 m livre. Ele tenta superar a marca obtida no Rio-2007 de  seis ouros, uma prata e um bronze.

UOL

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula