header top bar

section content

Advogado ameaça processar WhatsApp por causa de emoji

Emoji ofensivo seria proibido no país, já que pode ser enviado e exibido a mulheres, contrariando a lei

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

04/01/2018 às 10h15

O emoji vem causando polêmica (Foto; Mayra Fernandes/Superinteressante)

Um advogado indiano está ameaçando processar o WhatsApp por um motivo peculiar: a existência de um emoji com o dedo do meio levantado.

Gurmeet Singh, o advogado, deu prazo de 15 dias ao aplicativo antes que ele tome providências legais. Ele afirma que o emoji de dedo do meio é, além de ofensivo, um “gesto altamente agressivo, invasivo, obsceno e lascivo”, noticiou o site News 18.

Ele argumenta que isso faz do emoji algo ilegal. De acordo com a legislação indiana, exibir gestos obscenos e lascivos a mulheres é ilegal.

O site Cnet observa que o app sofreu reveses recentes no país. Uma corte indiana decidiu que materiais falsos disseminados em grupos de WhatsApp podem levar à prisão dos administradores dos grupos.

Exame

Tags:
PARA A ETERNIDADE

VÍDEO: Programação de 70 anos do Atlético começa com exposição histórica que promete encantar Cajazeiras

ALFINETOU

VÍDEO: Aliado do prefeito destaca asfaltamento de ruas de Cajazeiras e alfineta grupo de Carlos Antonio

REVELAÇÃO

VÍDEO: Emocionado, radialista fala de dificuldades na infância e revela que ‘amigo’ lhe ofereceu drogas

VEJA

VÍDEO: Gilvan de Andrade fala de experiência no Rádio em Cajazeiras e João Pessoa