header top bar

section content

Médica da Paraíba estava em estádio na hora dos atentados em Paris

Segundo Maria, ela e os amigos estão bem e voltam ao Brasil na segunda-feira (16).

Por

14/11/2015 às 14h51

Médica da Paraíba estava em estádio na hora dos atentados em Paris

Um grupo de paraibanos que está fazendo turismo em Paris estava no Stade de France na noite de sexta-feira (13) quando aconteceram os ataques na capital francesa.
 
A médica Maria Mendes estava com o marido, o engenheiro civil Clorivaldo Ferreira, assistindo o jogo quando se assustou ao ouvir a primeira explosão. “Eu olhei para meu marido e disse ‘meu Deus, como o povo aqui comemora forte, que bomba forte’. Na segunda eu já achei que estava demais”, lembra.

As explosões aconteceram na casa de espetáculos Bataclan, que fica próximo ao estádio onde aconteceu um jogo entre as seleções da França e Alemanha. Acompanhe em tempo real.

A médica conta que quando todo o público foi liberado para sair do estádio, começou a jornada de uma hora para tentar chegar ao hotel onde ela e os amigos estão hospedados. Eles seguiram em direção ao metrô porque não conseguiram pegar um táxi. “Mas aí no metrô [tinha] muita polícia, muita barreira, muita tensão. Liberou todo mundo para entrar sem pagar mesmo”, conta. Segundo ela “com muita tensão e apreensão”, eles conseguiram chegar ao hotel em mais ou menos uma hora.

O engenheiro também fez um vídeo mostrando o clima na cidade na manhã deste sábado (14). “A cidade está bastante parada, em uma das principais avenidas o movimento está parado”, relata.

Segundo Maria, ela e os amigos estão bem e voltam ao Brasil na segunda-feira (16).

Do G1PB

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os organizadores do 1º Eco pedal e o garoto prodígio do futebol Luiz Felipe

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Maria Vitória e Rodrigo Almeida 11.08.2017

INTERVIEW

Educadora fala da infância difícil e sua trajetória de sucesso: ‘Faltava dinheiro, mas não alegria’

CALDEIRÃO POLÍTICO

Eleições e ‘distritão’ foram assuntos do programa Caldeirão Político; Padre diz que é contra essa emenda