header top bar

section content

Mulher leva tiro no olho e insiste em terminar cerveja antes de socorro

Autoridades disseram que foi um milagre a mulher de 30 anos ter sobrevivido. O caso ocorreu em uma casa na avenida Selkirk, em Winnipeg.

Por

06/01/2012 às 10h13

Uma mulher que foi alvejada no olho durante uma confusão em uma festa de Ano Novo no Canadá insistiu em terminar sua cerveja antes de receber tratamento médico, informou o site do "Winnipeg Free Press" nesta quinta-feira (5). Durante o tiroteio, um conhecido da mulher foi morto.

Autoridades disseram que foi um milagre a mulher de 30 anos ter sobrevivido. O caso ocorreu em uma casa na avenida Selkirk, em Winnipeg.

"Foi como se ela estivesse distante do que havia ocorrido. Ela não queria qualquer tratamento antes de terminar sua cerveja", disse uma fonte ao jornal. A mesma fonte explicou que a mulher estava severamente intoxicada, fosse por álcool ou por drogas, e que ela não demonstrou desconforto por conta da ferida.

Michael Warren Sinclair, de 46 anos, foi encontrado morto no local, uma casa de dois andares. Familiares dele disseram que ele não fazia parte de nenhuma gangue. Vizinhos afirmaram que o local era conhecido por reunir grupos de usuários de drogas.

G1
 

NO CALDEIRÃO POLÍTICO NA TV

Advogado fala da profissão, discute política e diz que Luciano Cartaxo é favorito nas eleições de 2018

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com o Ministério de Louvor: Fonte de água da vida

SAÚDE MENTAL

VÍDEO: “Psicologia no Ar” reestreia na TV debatendo as dúvidas e estereótipos que os psicólogos carregam

ENTREVISTA

VÍDEO: Com demonstrações ao vivo, fisioterapeuta cajazeirense explica como funciona a Quiropraxia