header top bar

section content

Jeová promoverá Audiência Pública para tratar da implantação do polo têxtil

O parlamentar justifica a importância da implantação do Pólo Têxtil, tendo em vista o grande número de comerciantes do ramo de confecções, que necessitam se deslocar par outros centros comerciais.

Por

11/03/2009 às 23h27

Debater as potencialidades do Alto Sertão do Estado e, principalmente, a viabilização de um Pólo Têxtil para a região de Cajazeiras. Esses serão alguns dos enfoques da audiência pública que será realizada, no próximo dia (20), pelo deputado estadual Jeová Campos (PT), em Cajazeiras, através do seu gabinete e da Comissão de Desenvolvimento da Assembléia Legislativa do Estado. Durante a sessão da ultima terça-feira(10), no Plenário da “Cada de Epitácio Pessoa”, o parlamentar encaminhou o requerimento de Nº 9.456/2009 solicitando o apoio logístico da AL para realização do evento.

O parlamentar petista justifica a importância da realização dessa audiência em virtude do expressivo número de comerciantes do ramo de confecções, habitantes das cidades do alto sertão paraibano que se deslocam para centros urbanos de outros estados a procura de mercadorias para revender. “A implantação desse Pólo Têxtil facilitará a vida de cerda de três mil pessoas que viajam para cidades como Santa Cruz do Capibaribe e Toritama (PE) para adquirir as mercadorias que revendem na região sertaneja paraibana, sem falar que ele trará inúmeros benefícios para região, tais como, geração de empregos diversos, profissionalização através de cursos direcionados à área industrial e comercial, aumento da arrecadação municipal, incentivo ao turismo, entre outros fatores positivos”, enfatizou Jeová Campos.

Jeová Campos falou da viabilidade da implantação do Pólo Têxtil ser na cidade de Cajazeiras. “Cajazeiras possui uma localização geográfica estratégica, o que propicia a estruturação de uma área especial de indústria e comércio local, além de que incentivará ao desenvolvimento econômico e social do nosso Estado, descentralizando os investimentos direcionados, exclusivamente, para a Capital e para a cidade de Campina Grande”, reforçou o parlamentar.

Ele também destacou que a criação desse Pólo Têxtil foi um dos estímulos que o levou a pensar na viabilização de um outro projeto que é a criação de uma Agência de Integração e Promoção da Igualdade Regional da Paraíba. Essa agência, segundo ele, tem o objetivo de acabar com as profundas desigualdades regionais e a concentração de riqueza no litoral paraibano que causam um descompasso rumo ao desenvolvimento da Paraíba e provocam uma série de situações que impedem o progresso das cidades, principalmente, daquelas que estão mais distantes da Capital.

“Essa Agência teria dotação orçamentária própria, gerida por um Fundo Específico, que possibilitaria a destinação de recursos, exclusivamente, para micro e pequenos empreendimentos, nos setores de produção agrícola, industrial e na atividade comercial dos potenciais pólos de desenvolvimento, nos mais variados municípios da Paraíba”, explicou Jeová.

Representantes da Companhia de Desenvolvimento da Paraíba – Cinep, da Secretaria do Desenvolvimento Humano, da Secretaria da Indústria, da Secretaria do Turismo e do Desenvolvimento Econômico, do Sebrae, Banco do Nordeste do Brasil – BNB, do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, além de autoridades dos poderes Executivo e Legislativo de Cajazeiras e das cidades circunvizinhas estão sendo convidadas para a audiência pública do próximo dia 20.

Da Redação do Diário do Sertão
Com Assessoria

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores

MITO DA INTERNET

VÍDEO: Fenômeno Gleyfy Brauly bate recorde de audiência no Xeque-Mate e canta sucessos no ‘imbromation’

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires