header top bar

section content

BR-230 100% duplicada após muitos anos de espera

DER assegura a liberação de 100% da duplicação no trecho JP/CG na próxima quinta-feira(19). Com a abertura para o tráfego de veículos da variante nas proximidades do Cajá, na BR-230, a partir da próxima quinta-feira (19), o trajeto João Pessoa/Campina e vice-versa será feito totalmente em pista duplicada. A conclusão das obras e a abertura […]

Por

16/02/2009 às 08h02

DER assegura a liberação de 100% da duplicação no trecho JP/CG na próxima quinta-feira(19).

Com a abertura para o tráfego de veículos da variante nas proximidades do Cajá, na BR-230, a partir da próxima quinta-feira (19), o trajeto João Pessoa/Campina e vice-versa será feito totalmente em pista duplicada. A conclusão das obras e a abertura do trecho já foram anunciadas pelo Diretor Superintendente do Departamento de Estradas de Rodagem, eng. Inácio Bento de Morais Júnior.

A abertura da variante aos usuários da rodovia pelo DER e Dnit vai eliminar as costumeiras filas na cidade do Cajá durante o período de carnaval, evitando assim o perigo de acidentes e mais preocupação para os milhares de motoristas que trafegam diariamente pela rodovia.

Com a duplicação 100% concluída, a inauguração do trecho João Pessoa/ Campina Grande ficará na dependência somente da agenda do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. O governador Cássio Cunha Lima aguarda a confirmação da vinda do presidente para marcar a data da inauguração, em evento que contará com a participação de ministros e outras lideranças do setor rodoviário nacional.

Fonte: Secom

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula