header top bar

section content

Paraíba é 1º do Nordeste em uso de drogas ilícitas por alunos do 9º ano

Paraíba é 1º do Nordeste em uso de drogas ilícitas por alunos do 9º ano

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

27/08/2016 às 11h40 • atualizado em 27/08/2016 às 12h02

Apreensão de drogas em Guarabira (Foto Ilustrativa)

A Paraíba é o estado do Nordeste onde mais estudantes do ensino fundamental provaram algum tipo de droga ilícita pelo menos uma vez em 2015, de acordo com a Pesquisa Nacional de Saúde Escolar divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A pesquisa foi aplicada apenas em alunos do 9º ano do ensino fundamental, dos sexos masculino e feminino, em todo o país. Conforme o dado, aproximadamente 6,8% dos estudantes matriculados nesta série na Paraíba já usaram algum tipo de droga ilícita.

Ainda conforme a pesquisa, o percentual pode variar entre 5,7% e 7,9% dos matriculados no 9º ano de acordo com a margem de erro. Após a Paraíba, aparece o Ceará, com 6,2%, e Pernambuco, com 6,1%. O percentual do uso de droga aumenta no estado para 7,1% se for levado em consideração apenas os estudantes matriculados em escolas públicas paraibanas. Nas escolas privadas o índice cai para 5,4% dos alunos matriculados.
Na estatística dos estudantes do 9º ano de João Pessoa, cerca de 8,3% dos matriculados provaram droga ilícita alguma vez. No caso dos matriculados em escolas públicas da capital paraibana, o estudo aponta que quase 10% dos alunos do 9º do fundamental provaram alguma droga ilícita.
Consumo de drogas lícitas
A situação dos estudantes do 9º da Paraíba em relação às drogas lícitas é um pouco melhor entre os demais estados do Nordeste. Na tabela em que mostra o consumo de bebida alcoólica pelo menos uma vez a Paraíba é o quarto estado dos nove nordestinos. Na tabela de consumo de cigarro, a Paraíba é o segundo estado nordestino que mais estudantes do 9º ano fumaram pelo menos uma vez.

Conforme a tabela, 48,3 dos estudantes matriculados nessa série beberam algum tipo de bebida alcoólica. Embora o percentual que provou pelo menos uma vez seja alto, apenas 17,1% deles confessaram ter sofrido algum episódio de embriaguez. Por sua vez, os matriculados no último ano do ensino fundamental em escolas paraibanas que fumaram pelo menos uma vez chega a 15,3%.

DIÁRIO DO SERTÃO com G1

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula