header top bar

section content

Fim da crise hídrica, ampliação das rodovias, mais hospitais e um porto de águas profundas são prioridades de Maranhão para o desenvolvimento da Paraíba

"A questão não é apenas armazenar água, mas distribuí-la de maneira que toda a população possa ter acesso a água de qualidade"

Por Luzia de Sousa

14/02/2017 às 09h59

Senador da Paraíba, José Maranhão

Na retomada dos trabalhos legislativos no Senado Federal em 2017, o senador José Maranhão citou alguns projetos que considera prioritários para que a Paraíba atinja um novo grau de desenvolvimento econômico. O primeiro item descrito como fundamental é a questão hídrica: “Nosso estado já vem sofrendo seis anos de seca ininterrupta. A questão não é apenas armazenar água, mas distribuí-la de maneira que toda a população possa ter acesso a água de qualidade. Precisamos também ter água para irrigação, que é um fator econômico importante”, ressaltou José Maranhão ao descrever que a Paraíba tem vastas áreas de terras férteis apropriadas para a agricultura moderna, pela riqueza do solo e pela topografia, e que carecem apenas de água para irrigação. Na visão do senador, a transposição do Rio São Francisco pode trazer essas condições indispensáveis para o desenvolvimento do estado. “Temos que continuar também não só com a distribuição de água, mas com o aproveitamento dos mananciais existentes de maneira a armazenar a água que vamos precisar no verão”.

Recentemente, José Maranhão participou de uma comitiva de parlamentares e do Governo Federal que visitou as obras da Transposição. Junto com o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, ele percorreu parte do Eixo Leste, que fica mais ao Litoral, e do Eixo Norte, no alto sertão da Paraíba. “No Eixo Leste as águas devem chegar em março ou abril, se Deus quiser. Isso já vai resolver parte do problema porque atende a região mais carente, que é o Planalto da Borborema, do Curimataú e Cariri. Este Eixo, se não faltar recurso – e o presidente Temer tem sido rigoroso na liberação dos recursos, no sentido de estar cumprindo o cronograma que foi previamente estabelecido – eu tenho certeza que teremos condições de minimizar os efeitos da seca ali em breve”, prevê o senador. Já em relação ao Eixo Norte, ele lembra que houve atraso na execução por conta de problemas com a Construtora concessionária de um trecho fundamental da obra.

Para José Maranhão, a Transposição do São Francisco merece ainda uma correção, porque não se atendeu às cidades e aos municípios que estão às margens do Rio Piancó, o terceiro Eixo. A bancada da Paraíba por unanimidade apresentou uma emenda orçamentária para atender a este propósito. “Há muito se discute este projeto e faço questão aqui de fazer justiça a um presidente, com o qual não concordo em muitas coisas, e que não pertence ao meu partido, o presidente Lula. Ele teve a sensibilidade e a coragem de abraçar o projeto, mesmo se opondo a tradicionais oligarquias da região do Vale do São Francisco. Lamentavelmente, a sua sucessora, a presidente Dilma, não teve a mesma sensibilidade de levar o projeto na marcha do governo anterior. Se tivesse feito, não estaríamos aqui falando nisso, o problema estaria resolvido”.

Maranhão cita como fundamental para a Paraíba também a ampliação da malha rodoviária e a continuação das obras na BR230. Ele destaca ainda a necessidade de um porto adequado. “Nosso porto é muito raso, incompatível com o calado dos navios que trafegam nos mares de todo o mundo. Quando governador, iniciei a elaboração de um projeto, chamado Projeto do Porto de Águas Profundas. Esse porto é essencial para o desenvolvimento econômico do estado”, afirmou. Outro setor que José Maranhão classifica como prioritário é a saúde. “Precisamos de um sistema de saúde que realmente receba a universalidade das pessoas, especialmente os mais carentes que não têm condições de acesso à rede privada de hospitais. É preciso construir mais hospitais para atender a demanda da sociedade”, concluiu o senador, ao se definir como esperançoso quanto às perspectivas para os paraibanos este ano.

Assessoria

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores

MITO DA INTERNET

VÍDEO: Fenômeno Gleyfy Brauly bate recorde de audiência no Xeque-Mate e canta sucessos no ‘imbromation’

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires