header top bar

section content

Governador Ricardo Coutinho assiste ao primeiro grande concerto de 2015 do Prima. Veja fotos!

A performance contou com repertório regional paraibano, como ‘Mulher Rendeira’, do cajazeirense Alfredo José do Nascimento, o Zé do Norte

Por

31/03/2015 às 10h30

O governador Ricardo Coutinho acompanhou, na tarde desta segunda-feira (30), no Teatro Santa Catarina, em Cabedelo, o primeiro concerto de 2015 a reunir alunos de vários polos do Projeto de Inclusão Social através da Música e das Artes (Prima). Sob o comando da maestrina inglesa Catherine Larsen-Maguire, a orquestra executou peças do repertório erudito e popular, além de outros grupos do projeto terem apresentado os resultados de seus estudos.

"É um projeto que dialoga diretamente com a cidadania, mais do que com a música. Ela é um meio, o fim é a cidadania, mostrar para esses jovens que a vida é muito mais do que os descaminhos que ela os oferece", declarou o governador, que acompanhou todo o concerto do Prima.

Como seu convidado, estava Luís Geraldo Lanfredi, o juiz auxiliar da presidência do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que esteve na cidade para uma reunião com o governador. Ele se declarou encantado com o projeto. "É um formato muito interessante, que pode ser adequado como uma ferramenta de cidadania por todo o Brasil", afirmou.

Representantes dos polos de Tibiri, em Santa Rita; Alto do Mateus, Bairro dos Novaes e Mandacaru, em João Pessoa; Cabedelo; Patos; Catolé do Rocha e Campina Grande fizeram performances musicais, como o Quinteto de Sopros de Cabedelo que, sob o comando do professor Sérgio Aires, apresentou 'Lamento', de Pixinguinha.

A grande performance foi conduzida pela maestrina Catherine Larsen-Maguire, que pôde lidar com o repertório regional paraibano, como ‘Mulher Rendeira’, do cajazeirense Alfredo José do Nascimento, o Zé do Norte; e com clássicos do repertório erudito, executando trechos da famosa cantata 'Carmina Burana', de Carl Orff. De acordo com o gestor do Prima, maestro Alex Klein, o repertório deste concerto é representativo.

"De um lado, trazemos peças como as de Carl Orff, que são tesouros da humanidade e essas crianças merecem ter acesso a essa riqueza. Por outro lado, tocamos 'Mulher Rendeira', valorizando nossa cultura e dando a oportunidade para que a maestrina inglesa leve para a casa a experiência rítmica da música paraibana. Tocamos as pérolas deles, mas queremos apresentar as nossas", comenta Klein.

Ao fim do concerto, ao receber uma homenagem dos alunos, a maestrina Catherine Larsen-Maguire, emocionada, agradeceu, em português, afirmando ter sido um prazer tocar com a orquestra. "É um projeto absolutamente importante, não apenas pela diversão, mas porque essas crianças aprendem uma série de coisas. Aprendem a trabalhar em equipe, a ter disciplina. A música é uma ferramenta que torna as pessoas melhores, além de desenvolver a concentração e a inteligência", disse Catherine.

O projeto – Implantado pelo Governo do Estado em 2012, o Prima tem polos em João Pessoa (Alto do Mateus, Mandacaru e Bairro dos Novais), Cabedelo, Bayeux, Santa Rita, Campina Grande, Guarabira, Patos, Cajazeiras, Catolé do Rocha e Itaporanga. Ao todo, são mais 1,5 mil alunos envolvidos.

DIÁRIO DO SERTÃO com Secom

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os organizadores do 1º Eco pedal e o garoto prodígio do futebol Luiz Felipe