header top bar

section content

Casal é feito refém durante assalto a agência dos Correios no Sertão da Paraíba. Confira!

Eles estavam em praça em frente a agência na hora da ação do grupo. Os policiais chegaram a ver o grupo fugindo, mas não atiraram.

Por Luzia de Sousa

02/05/2016 às 12h03 • atualizado em 02/05/2016 às 12h19

Agência dos Correios é assaltada em Belém do Brejo do Cruz, na Paraíba (Foto: Rafaela Gomes/TV Paraíba)

Um casal foi feito refém durante um assalto à agência dos Correios na cidade de Belém do Brejo do Cruz, no Sertão da Paraíba, na madrugada desta segunda-feira (2). Segundo informações da Polícia Militar, um grupo formado por seis a oito homens chegou na agência por volta de 1h30 da manhã, a bordo de uma caminhonete prata.

Veja mais!

Homem é assassinado com três tiros na cabeça dentro de banheiro de bar na cidade de Sousa; polícia procura autor do crime. Veja as fotos!

Jovem que morreu em acidente havia sido aprovada no curso de Enfermagem

Jovem não resiste e morre em Hospital de CG; acidente foi causado por motorista embriagado

Eles quebraram os cadeados e invadiram a agência, mas até as 10h a polícia não sabia informar se algum dinheiro tinha sido levado do local. Segundo o sargento da Polícia Militar Andrade, a equipe estava esperando a Polícia Federal chegar para fazer a perícia.

Ao final da ação, eles fizeram pegaram como reféns o casal que estava na praça em frente à agência. Os policiais chegaram a ver o grupo fugindo, mas não atiraram por conta dos reféns, que foram liberados em seguida. Os assaltantes fugiram na direção da cidade de Messias Targino, no Rio Grande do Norte.

DIÁRIO DO SERTÃO com G1PB

MERCADO NEGRO

EXCLUSIVO: Padre denuncia que Cajazeiras está repleta de ‘locadoras de armas’: “A polícia sabe” – VÍDEO!

PARABÉNS

VÍDEO: Veja a mais nova música que homenageia a cidade de Cajazeiras nos seus 154 anos de emancipação

AO VIVO

Assista ao Debate de Cajazeiras completo; vários temas foram levantados para melhorar a cidade

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor