header top bar

section content

REAÇÃO: Uma prisão e três apreensões de menores de idade movimentam área policial de Cajazeiras. Fotos!

A Polícia Militar da cidade de Cajazeiras realizou várias apreensões nessa quarta-feira. Menores são acusados de vários assaltos em todas as áreas.

Por Luzia de Sousa

16/06/2016 às 07h11 • atualizado em 16/06/2016 às 07h12

Mulher passa por apuros (Foto ilustrativa)

A Patrulhar Rural do 6º Batalhão de Polícia Militar de Cajazeiras apreendeu nessa quarta-feira (15), no Sítio Gato preto, um menor de 17 anos de idade acusado de assalto a farmácia, na Zona Norte da cidade.

Menor foi liberado após ser ouvido

Menor foi liberado após ser ouvido

O assalto ocorreu nessa terça-feira (14), quando dois acusados rederam os proprietários tomando dinheiro e um celular.

O acusado estava pescando quando foi surpreendido pelos militares. O menor foi reconhecido pela vítima, mas foi ouvido e liberado.

A Patrulha Rural também prendeu na noite dessa quarta-feira (15), Valdeilson Duarte Carvalho e apreendeu um menor de idade, na calçada do Cajazeiras Shopping e são acusados de assalto a celulares. Eles foram abordados em atitude suspeita em uma moto modelo CG de placa HWK-9680.

.

Ainda nessa quarta, uma guarnição da ROTAM apreendeu um menor de 15 anos de idade nas proximidades do IFPB. Ao ser revistado foi encontrado em poder do adolescente uma pistola de fabricação artesanal.

O menor foi encaminhado para delegacia sendo apresentado a delegada plantonista. Ele disse que a armar era para se proteger de inimigos, foi ouvido e liberado.

.

DIÁRIO DO SERTÃO

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula